Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Santa Catarina disponibiliza plataforma sobre segurança alimentar

Notícias

Santa Catarina disponibiliza plataforma sobre segurança alimentar

SEGURANÇA ALIMENTAR

O objetivo é fortalecer a rede sobre o assunto em Santa Catarina e dar suporte ao Sistema de Segurança alimentar e Nutricional (Sisan)
publicado  em 21/06/2016 17h45

A Secretaria Executiva de Políticas Sociais e Combate à Fome disponibiliza a partir de quarta-feira (22) a plataforma intitulada Rede SAN SC, sobre segurança alimentar e nutricional, para municípios, conselhos municipais e câmaras intersetoriais. O objetivo é fortalecer a rede sobre o assunto em Santa Catarina e dar suporte ao Sistema de Segurança alimentar e Nutricional (Sisan).  “A cada nova iniciativa avançamos na garantia do direito à alimentação adequada e saudável para a população”, lembra lembra o Gerente de Programas e Projetos de Políticas Sociais de Combate à Fome, Flávio de Souza. .

A ferramenta será apresentada durante o Encontro de Presidentes de Conselhos de Segurança Alimentar e Nutricionais e das Câmaras de Segurança Alimentar e Nutricionais municipais na sede da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST), em Florianópolis.
Entre os temas estão os Planos Municipais de Segurança Alimentar e Nutricional; a rede de Segurança Alimentar no estado e uma biblioteca com documentos. Os visitantes também tem acesso a um fórum em que podem deixar dúvidas ou outras informações.

A Rede SAN SC utiliza a modalidade virtual da Diretoria da Escola de Administração Pública, da Secretaria de Estado da Administração por meio do link http://ead2.sc.gov.br/ .  Para os que possuem vínculo com o Governo do Estado o acesso será com a matrícula e senha utilizada para acessar os dados funcionais. Já para o público externo basta fazer o cadastro com o e-mail. Mas as dúvidas e orientações técnicas devem ser solicitadas por e-mail: caisan@sst.sc.gov.br; san@sst.sc.gov.br e consea@sst.sc.gov.br.  A iniciativa é uma parceria com o Conselho Estadual de Segurança Alimentar (Consea) e a Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar (Caisan). A Secretaria Executiva de Políticas Sociais e Combate à Fome está vinculada à Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST).

Santa Catarina aderiu ao Sistema Nacional de Segurança Alimentar em 2011 e elaborou o Plano Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional. A Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan), da qual a Secretaria Executiva de Políticas Sociais de Combate à Fome participa, produziu o documento a partir das deliberações da Conferência Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional e das discussões do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea/SC).

Fonte:
Governo de Santa Catarina

registrado em: