Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Opas pode ajudar Brasil a aprimorar politicas públicas de alimentação saudável

Notícias

Opas pode ajudar Brasil a aprimorar politicas públicas de alimentação saudável

SEGURANÇA ALIMENTAR

Modelo de Perfil Nutricional divulgado pela organização é inédito e define critérios para a classificação de alimentos processados
publicado  em 04/03/2016 15h36

Brasília – Direcionado aos países membros, a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), representação da Organização Mundial da Saúde (OMS) nas Américas, lançou o Modelo de Perfil Nutricional. Fora do Mapa Mundial da Fome desde 2014, o Brasil luta agora para combater o sobrepeso e a obesidade. E o modelo inédito desenvolvido pela Opas pode ajudar o país a desenvolver e aprimorar as políticas públicas de incentivo à alimentação saudável.

“O Brasil está em um momento de revisão das regras da rotulagem nutricional. Este documento será importante balizador neste processo”, afirma a coordenadora-geral de Educação Alimentar e Nutricional do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS), Janine Coutinho. O documento apresenta critérios inéditos para a classificação dos alimentos processados e ultra processados. Nele, o Brasil é citado como bom exemplo na melhoria da alimentação escolar, na regulamentação da publicidade e da promoção de alimentos para crianças.

Segundo Janine, ter instrumentos que classifiquem os alimentos processados é importante para a construção e revisão de medidas regulatórias, como a taxação de bebidas açucaradas e regulação da venda de alimentos não saudáveis em cantinas escolares. “Definir o que é um alimento não saudável não é uma tarefa fácil. Então esse instrumento, que vem de um importante organismo internacional, estabelece critérios objetivos e específicos de classificação de alimentos com quantidade excessiva de açúcares livres, sódio, edulcorantes (adoçantes) e tipos de gorduras, de forma a respaldar iniciativas e políticas públicas.”

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021
www.mds.gov.br/area-de-imprensa

registrado em: