Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2019 > Março > Agricultores familiares do Paraná poderão vender mais de R$ 1 milhão em produtos para o Exército

Notícias

Agricultores familiares do Paraná poderão vender mais de R$ 1 milhão em produtos para o Exército

PAA

Chamadas públicas para compra de alimentos para as unidades de Cascavel e Apucarana estão abertas até os dias 29/03 e 1º/04, respectivamente
publicado  em 18/03/2019 14h20
Rafael Zart

Brasília - Unidades do Exército nos municípios paranaenses de Cascavel e Apucarana estão com chamadas públicas abertas para a compra de alimentos da agricultura familiar. Produtores da região poderão vender mais de R$ 1 milhão às unidades por meio da modalidade Compra Institucional do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal.

Em Cascavel, o 15º Batalhão Logístico vai investir R$ 630 mil na compra de 60 variedades de produtos. O prazo para envio de propostas termina no dia 29 de março. Já em Apucarana, o 30º Batalhão de Infantaria Mecanizada vai investir R$ 455 mil para adquirir 97 produtos, e o prazo é até 1º de abril.

 O tenente-coronel Machado, da 5ª Região Militar, destaca que os produtos adquiridos na modalidade Compra Institucional do PAA têm apresentado boa aceitação. “Como a produção é menor, a qualidade é nítida e as condições dos alimentos parecem melhores. Fizemos, inclusive, uma pesquisa sobre a receptividade dos cafés, sucos integrais, leites, frangos, e foi muito boa”.

“Neste território, os produtos demandados pelo Exército são frutas, verduras, café, geléias, queijos, mel, carne, entre outros. Então é uma possibilidade de a agricultura familiar ofertar produtos que já são consumidos e produzidos na região”, explica a coordenadora geral de Aquisição e Distribuição de Alimentos do Ministério da Cidadania, Hetel Santos

O supervisor comercial da Cooperativa Agro-Industrial de Londrina (Cativa) Robson Ortega reforça que participar do processo é uma boa oportunidade. “Quando o governo compra, acaba fomentando toda a cadeia e a gente tem a garantia do pagamento, o que estimula os agricultores a produzirem mais e com mais confiança”.

O PAA compra institucional permite que órgãos da administração pública federal, estadual e municipal possam obter, com recursos próprios, produtos da agricultura familiar com dispensa de licitação. Os editais estão disponíveis no site comprasagriculturafamiliar.gov.br

Saiba Mais:
Na modalidade Compra Institucional, cada agricultor pode vender até o limite de R$ 20 mil, por ano, para cada órgão comprador. Já para as cooperativas ou associações, o teto é de R$ 6 milhões por ano, por órgão comprador, respeitando o limite individual por agricultor. A legislação determina que pelo menos 30% dos alimentos adquiridos para abastecer órgãos federais venham da agricultura familiar.

*Por Diego Queijo

Informações para a imprensa:
Ascom/Ministério da Cidadania
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa