Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2018 > Janeiro > Alagoas e Paraíba se comprometem a promover ações de alimentação saudável

Notícias

Alagoas e Paraíba se comprometem a promover ações de alimentação saudável

POLÍTICAS PÚBLICAS

Estados aderiram ao Pacto Nacional de Alimentação Saudável. Iniciativa tem por objetivo combater a obesidade, o excesso de peso e as doenças decorrentes da má alimentação
publicado  em 24/01/2018 19h32

Brasília – Para estimular o consumo de alimentos saudáveis e ampliar a oferta e disponibilidade desses produtos, Alagoas e Paraíba aderiram ao Pacto Nacional pela Alimentação Saudável, do governo federal.

Com a iniciativa, os governos locais pretendem combater o excesso de peso, a obesidade e as doenças decorrentes da má alimentação. Além disso, se comprometem a incentivar a produção de alimentos orgânicos, agroecológicos e da agricultura familiar.

 De acordo com o secretário nacional de Segurança Alimentar do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), Caio Rocha, a adesão dos Estados vai reforçar a integração de diversas áreas de governo e da sociedade.

 “O Estado assume um compromisso de ações que possam ajudar a reverter a alta no índice de obesidade e excesso de peso, além de reduzir a desnutrição e insegurança alimentar. Queremos fortalecer a questão de uma alimentação que possa contribuir para a saúde e para o desenvolvimento da população”, destaca.

 Com o pacto, os Estados se comprometem em promover campanhas de esclarecimento sobre a importância de hábitos alimentares saudáveis e em atuar no ambiente escolar, no sistema de saúde, além de apoiar os processos de produção e abastecimento. “São ações que a gente começa a trabalhar desde a escola até os idosos”.

 Resultado – Uma das medidas que o Distrito Federal tomou após a adesão ao Pacto Nacional pela Alimentação Saudável (2015-2017) foi proibir a venda de doces, refrigerantes, frituras e produtos industrializados nas cantinas escolares das escolas públicas e privadas. As lanchonetes passaram a comercializar sucos naturais, frutas, iogurte, bebidas lácteas, sanduíches naturais, entre outros produtos.

Como aderir?

Estados e municípios que desejarem aderir ao pacto podem solicitar mais informações pelo e-mail educacaoalimentarenutricional@mds.gov.br

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

 Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa

registrado em: