Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2019 > Setembro > Estrangeiros conhecem abordagem para moradores em situação de rua no Distrito Federal

Estrangeiros conhecem abordagem para moradores em situação de rua no Distrito Federal

publicado  em 10/09/2019 13h01

 
 

LOC: Uma comitiva formada por representantes de seis países da América Latina conheceu nesta terça-feira o trabalho de acolhimento e atendimento à população em situação de rua realizado no Distrito Federal. O grupo faz parte da Missão Red Calle, uma iniciativa da União Europeia para estimular países a desenvolverem políticas públicas mais eficientes voltadas à população de rua. A programação faz parte do seminário realizado ao longo desta semana no Brasil.

A primeira visita foi feita ao restaurante comunitário de Ceilândia, cidade administrativa do DF, localizada a 26 quilômetros de Brasília. O local oferece refeições saudáveis a preços acessíveis às famílias de baixa renda. Depois, a comitiva conheceu o serviço de acolhimento temporário para idosos em situação de rua, na cidade de Taguatinga, vizinha de Ceilândia. Muitos dos abrigados sofreram por abandono, violência, migração ou falta de moradia e emprego.

Morando na rua e grávida de oito meses, Fernanda de Jesus é atendida no Centro POP de Taguatinga. O local presta atendimento especializado à população em situação de rua e oferece atendimento individual e de convívio para incentivar a autonomia e a participação desse público na sociedade. Para Fernanda, o espaço é um lugar de apoio.

SONORA: FERNANDA DE JESUS - ATENDIDA NO CENTRO-POP-DF

LOC: A representante do Instituto Misto de Ajuda Social da Costa Rica, Eluria Lorena Peters, viu na prática o serviço oferecido e considerou a experiência enriquecedora.

SONORA: ELURIA PETERS - INSTITUTO MIXTO DE AYUDA SOCIAL DE COSTA RICA

Sobe som: LOC: Segundo ela, chamou a atenção no Brasil o trabalho em conjunto realizado por várias esferas de governo  para atender às demandas da população

LOC: A subsecretária de Assistência Social do Distrito Federal, Daniella Jinkings, destacou o trabalho realizado de forma articulada.

SONORA: DANIELLA JINKINGS – SUBSECRETÁRIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL-DF

LOC: Para a diretora de Proteção Social Especial no Ministério da Cidadania, Maria Yvelonia Barbosa, o encontro da Red Calle foi uma oportunidade para fortalecer os laços com os outros países.

SONORA: MARIA YVELONIA BARBOSA – DIRETORA DE PROTEÇÃO SOCIAL ESPECIAL

LOC: Até o fim da semana, a comitiva ainda visitará espaços de acolhimento e de atendimento à população em situação de rua em São Paulo, capital, e em Fortaleza, no Ceará.

Para saber mais, acesse: cidadania.gov.br

Reportagem, Diego Queijo