Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2019 > Março > Exército de Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul, irá comprar alimentos da agricultura familiar

Exército de Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul, irá comprar alimentos da agricultura familiar

publicado  em 15/03/2019 17h06

 


 
 


LOC: Jair Pinto, de 64 anos, é o presidente da Associação de Agricultores Familiares Orgânicos do Pontal do Faia, em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul. Há quatro anos, junto com outras 17 famílias do assentamento, eles produzem alimentos orgânicos e vendem para as escolas públicas da região. Agora, Jair também está interessado na venda para a terceira Artilharia Antiaérea do Exército Brasileiro, batalhão que fica no município. A compra de cerca de 50 itens será realizada por meio da modalidade Compra Institucional do Programa de Aquisição de Alimentos, o PAA.


SONORA AGRICULTOR FAMILIAR JAIR PINTO

LOC: A chamada pública do Exército Brasileiro em Três Lagoas está aberta até o dia 27 dede março e irá comprar cerca de 186 mil reais em hortaliças, verduras, frutas e legumes para abastecer a unidade. A coordenadora geral de Aquisição e Distribuição de Alimentos do Ministério da Cidadania, Hetel Santos, destaca que o edital é apenas uma porta de entrada para que a agricultura conquiste mais espaço no mercado institucional do Estado, que tem um potencial de crescimento ainda maior para os próximos anos.

SONORA COORDENADORA HETEL SANTOS

LOC: Atualmente, a legislação determina que pelo menos 30% dos alimentos adquiridos para abastecer órgãos federais venham da agricultura familiar. As chamadas públicas abertas pelo país estão disponíveis no portal www.comprasagriculturafamiliar.gov.br. Na modalidade Compra Institucional do PAA, cada agricultor pode vender até 20 mil reais, por ano, para cada órgão comprador. Já para as cooperativas ou associações, o teto é de 6 milhões de reais por ano, por órgão comprador.

Reportagem, André Luiz Gomes.