Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2019 > Junho > ACNUR elogia trabalho do governo brasileiro no acolhimento de refugiados venezuelanos

ACNUR elogia trabalho do governo brasileiro no acolhimento de refugiados venezuelanos

publicado  em 12/06/2019 14h17

 

 


 

LOC: O secretário especial do Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania, Lelo Coimbra, recebeu a diretora do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, a ACNUR para as Américas, Isabel Márquez./ Em reunião, nesta terça-feira, eles discutiram a situação dos refugiados venezuelanos que chegam ao Brasil./ A diretora da ACNUR elogiou o trabalho do governo brasileiro no acolhimento de venezuelanos e disse ser referência para outros países.

SONORA: ISABEL MÁRQUEZ

LOC: Para Isabel Márquez, o encontro foi importante para debater a continuidade da Operação Acolhida no Brasil./

SONORA: ISABEL MÁRQUEZ

LOC: O secretário Lelo Coimbra destacou o esforço da pasta em envolver e preparar os governos estaduais e municipais na missão de acolher refugiados estrangeiros./ Ele agradeceu a ACNUR pelo reconhecimento dos esforços do governo brasileiro na Operação Acolhida./

SONORA: LELO COIMBRA

LOC: A assessora especial para Assuntos de Imigração da Secretaria Nacional de Assistência Social, Niusarete Lima, atentou que a experiência de acolhimento aos refugiados está contribuindo para a qualificação dos serviços prestados pelo Ministério da Cidadania.

SONORA: NIUSARETE LIMA

LOC: A Operação Acolhida possui, atualmente, 13 abrigos para refugiados em Roraima, distribuídos entre Pacaraima e Boa Vista./ Dois deles são para acolhimento de indígenas, da etnia Warao./ Desde que iniciou a Operação Acolhida no Brasil, em abril de 2018, até hoje, já foram interiorizados oito mil venezuelanos.//

Reportagem, Renata Garcia