Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2019 > Fevereiro > Bolsa Família repassa R$ 2,6 bilhões de reais aos beneficiários em fevereiro

Bolsa Família repassa R$ 2,6 bilhões de reais aos beneficiários em fevereiro

publicado  em 15/02/2019 17h19

 


 

LOC: O pagamento do Bolsa Família de fevereiro teve início na sexta-feira, dia 15, e segue até o dia 28.Ao todo, treze milhões e novecentas mil famílias podem sacar o beneficio em todo o Brasil.No total, o Ministério da Cidadania vai transferir dois bilhões e 600 milhões de reais aos beneficiários.Este mês, 184 mil novos benefícios foram concedidos.

Na família da Ana Caroline Santos, o Bolsa Família faz muita diferença no orçamento. Desempregada e mãe de dois filhos, os 191 reais que recebe do programa é a única renda da família. Ela diz que a prioridade é garantir comida na mesa para os filhos.     

Sonora: Ana Carolina Santos – dona de casa 

LOC: Este mês, 1.521 famílias beneficiárias que vivem em Brumadinho, em Minas Gerais, podem sacar o dinheiro já no primeiro dia de pagamento, sem precisar seguir o calendário do programa. O município está em situação de calamidade pública por conta do rompimento de uma barragem com rejeitos de minério. Os beneficiários que perderam o cartão do Bolsa Família, bem como documentos, poderão fazer o saque por meio de uma guia de pagamento que deve ser obtida junto à gestão municipal do programa.  

A antecipação do pagamento para os beneficiários de Brumadinho vai ajudar as famílias mais carentes e movimentar o comércio local, como destaca o ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Sonora: Osmar Terra – ministro da Cidadania

LOC: Neste mês de volta às aulas, os beneficiários precisam estar atentos. Manter as crianças e adolescentes entre seis e 17 anos na escola é um dos compromissos assumidos pelas famílias ao ingressarem no programa. A cada mudança de escola, o responsável familiar deve atualizar as informações no Cadastro Único, em especial no início do ano letivo. Além disso, crianças menores de sete anos devem estar com o calendário de vacinação em dia e as gestantes precisam fazer o pré-natal.  

O pagamento do Bolsa Família é feito de acordo com o Número de Inscrição Social,  o NIS, que está impresso no cartão do programa. Os que terminam com o final 1 podem sacar no primeiro dia de pagamento. Os com final 2, no segundo dia, e assim por diante. Os recursos ficam disponíveis para saque por até três meses.

Para mais informações sobre o programa, acesse cidadania.gov.br.  

Reportagem, Carolina Graziadei