Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2019 > Julho > Governo Federal visita comunidades terapêuticas em Roraima, Amazonas e Piauí

Governo Federal visita comunidades terapêuticas em Roraima, Amazonas e Piauí

publicado  em 16/07/2019 15h27

 

 


 

LOC: O secretário Nacional de Cuidados e Prevenção ao Uso de Drogas do Ministério da Cidadania, Quirino Cordeiro, está visitando, nesta semana, três estados – Roraima, Amazonas e Piauí - para alinhar ações de prevenção, reinserção social e de tratamento de dependentes químicos. Nesta quarta-feira, ele se reúne com secretários estaduais e com o governador de Roraima, Antônio Denarium, para discutir o novo Plano Nacional de Políticas Sobre Drogas. Ele também irá verificar o trabalho realizado na única comunidade terapêutica financiada pelo governo federal no estado, uma unidade da Fazenda da Esperança.

Já na quinta-feira, o governador do Amazonas, Wilson Miranda Lima, recebe o secretário Nacional para discutir ações conjuntas em relação à prevenção ao uso de drogas no Estado. Quirino Cordeiro ressalta a necessidade do alimento entre o governo federal, dos Estados e dos municípios.

SONORA SECRETÁRIO QUIRINO CORDEIRO


LOC: Além das discussões sobre a política sobre drogas, Quirino Cordeiro também vai a duas comunidades terapêuticas – uma feminina e outra masculina – também da Fazenda da Esperança, em Manaus. Segundo o secretário, as visitas têm o objetivo de capacitar as unidades para uma possível expansão no atendimento a dependentes químicos.
 

SONORA SECRETÁRIO QUIRINO CORDEIRO


LOC: No último final de semana, em Teresina, no Piauí, o secretário Quirino Cordeiro acompanhou o atendimento nas comunidades terapêuticas Fazenda da Paz e Casa de Ester. No domingo, ele participou da décima Caminhada da Fazenda da Paz e de audiência pública na Câmara Municipal de Teresina, onde discutiu ações de Prevenção ao uso de álcool por adolescentes. O evento reuniu mais de mil e duzentas pessoas. 

No início do ano, o Ministério da Cidadania ampliou a quantidade de vagas financiadas pelo governo federal para tratar dependentes químicos em todo o país. Em março, 216 novos contratos com comunidades terapêuticas foram assinados, possibilitando o atendimento a 10 mil e 800 pessoas.

Reportagem, André Luiz Gomes.