Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2018 > Outubro > Pagamento do Bolsa Família em outubro já começou

Pagamento do Bolsa Família em outubro já começou

publicado  em 18/10/2018 16h03
Agência MDS - Release Radio - 13/03/2018 - Bolsa Família registra melhor resultado no acompanhamento da condicionalidade de saúde

 

LOC: O pagamento do Bolsa Família de outubro começou nesta quinta-feira e segue até o dia 31. Como em todos os meses, o repasse é realizado de acordo com o Número de Inscrição Social, o NIS, impresso no cartão. Aqueles que terminam com final 1 podem sacar no primeiro dia do pagamento. Os com final 2, no segundo dia e assim por diante. Os recursos ficam disponíveis para saque por um período de três meses.

O programa é voltado para as famílias inseridas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e que têm renda mensal por pessoa de até 89 reais, além daquelas com renda familiar mensal de até 178 reais por pessoa e que tenham integrantes gestantes, crianças ou adolescentes. A quantia que cada beneficiário recebe varia conforme o número de pessoas na família, a idade de cada um e a renda declarada.

Além de garantir renda, as famílias beneficiárias assumem compromissos nas áreas de Educação e Saúde, como explica a coordenadora de Acompanhamento de Condicionalidades do Ministério do Desenvolvimento Social, Natália Leitão. 

SONORA COORDENADORA NATÁLIA LEITÃO

LOC: A coordenadora do MDS ressalta que a frequência mínima exigida para os beneficiários do Bolsa Família é de 85% até os 15 anos de idade, e de 75% até os 17 anos. De acordo com a legislação, o não cumprimento das condicionalidades prevê desde advertências aos beneficiários até o bloqueio ou a suspensão do recebimento do benefício.

Para fazer parte do programa, o responsável pela família deve procurar um Centro de Referência de Assistência Social, o Cras, ou um posto de atendimento do Bolsa Família no município. É necessário levar documentos de identificação pessoal, como RG, carteira de identidade ou carteira de motorista e certidão de nascimento de todas as pessoas que vivem na residência.

Reportagem, André Luiz Gomes