Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2018 > Novembro > Centro Pop auxilia pessoas em situação de rua a superarem desafios

Centro Pop auxilia pessoas em situação de rua a superarem desafios

publicado  em 20/11/2018 15h00
Agência MDS - Release Radio - 20/11/2018 - Centro Pop auxilia pessoas em situação de rua a superarem desafios

 

LOC: Cléverton Santos, de 25 anos, sentiu na pele o que é viver como morador de rua. Após perder o emprego e sem condições de manter o aluguel, o jovem precisou recomeçar. Mesmo com curso técnico de segurança e formação de bombeiro civil, a colocação no mercado de trabalho estava difícil.

Diante das dificuldades, Cléverton dormiu na rua e passou fome, até conhecer o Centro de Referência de Assistência Social (Cras), onde foi acolhido e encaminhado para o Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro Pop). No local, recebeu atendimento de psicólogos e assistentes sociais, além de ter acesso a políticas públicas.

Com o apoio da equipe do Centro Pop, conseguiu uma colocação no mercado de trabalho como auxiliar no almoxarifado da prefeitura de Aracaju, capital de Sergipe. Cléverton conta que o serviço ofereceu um novo destino para sua família.

SONORA Cléverton Santos – auxiliar do almoxarifado

LOC:O Centro Pop é um espaço de apoio para que a população em situação de rua viva com mais dignidade. No espaço, é possível, por exemplo, guardar pertences e fazer a higiene pessoal. Além disso, algumas unidades oferecem refeições diárias. Porém, não é um abrigo.

Foi em uma dessas unidades que seu José Andrade, de 57 anos, se sentiu acolhido. Após enfrentar problemas com a família, vive há 10 meses nas ruas de Aracaju. Ele chegou até o Centro Pop por meio da abordagem feita pela equipe de Assistência Social. Hoje, utiliza o espaço para lavar a própria roupa, tomar banho e fazer as refeições. José conta que se não fosse pela equipe, a situação seria ainda pior.

SONORA José Andrade – morador de rua

LOC:Além dos atendimentos psicológicos, do acesso à documentação civil e a benefícios socioassistenciais, as pessoas em situação de rua também podem informar o endereço de um Centro Pop para se inscrever no Cadastro Único e, dessa forma, fazer parte de programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família.

A técnica de coordenação de Serviços Especializados a Famílias e Indivíduos do Ministério do Desenvolvimento Social, Márcia Viana, explica que histórias como a de Cléverton e José mostram a importância do serviço na vida das pessoas em situação de rua.

SONORA Márcia Viana – técnica de coordenação de serviços especializados à famílias e indivíduos

LOC:O Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro Pop) é um dos serviços ofertados pela Proteção Social Especial do Sistema Único de Assistência Social, o Suas. Ele é destinado a jovens, adultos, idosos e famílias que utilizam as ruas como espaço de moradia. O local pode ser acessado de forma espontânea ou por meio de encaminhamento do Serviço Especializado em Abordagem Social.

Reportagem, Carolina Graziadei