Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2018 > Maio > Criança Feliz: famílias recebem livros para incentivar a leitura na primeira infância

Criança Feliz: famílias recebem livros para incentivar a leitura na primeira infância

publicado  em 10/05/2018 16h30
Agência MDS - Release Radio - 13/03/2018 - Bolsa Família registra melhor resultado no acompanhamento da condicionalidade de saúde

 

LOC: A pequena Sofia Lessa, de um ano, acompanha atenta os comandos da mãe Itamara Cardoso Lessa, 26 anos, durante a brincadeira e a imita sorridente. Os potes e panelas da casa viraram brinquedos quando a família começou a ser acompanhada pelo Criança Feliz. Agora, mais uma ferramenta fará parte das visitas semanais, o livro. Sofia é uma das crianças das 100 famílias de Aracajú, capital de Sergipe, que receberão do programa de atenção à primeira infância do governo federal o kit com dois livros infantis.

A iniciativa é fruto de uma parceira do Ministério do Desenvolvimento Social com a Fundação Itaú Social e busca estimular a leitura ainda na primeira infância, além de fortalecer as ações do Criança Feliz. Todos os 2.664 municípios brasileiros que aderiram ao programa receberão os kits para as famílias e mais 100 unidades para os Centros de Referência de Assistência Social, os Cras.

Itamara conta que ficou muito feliz com a novidade. Ela e o marido vivem de bicos e é graças aos 240 reais recebidos do Bolsa Família que têm a segurança de comprar alimentos e remédios para os quatro filhos, enquanto não conseguem um emprego. Ver que o futuro de seus filhos será melhor é o que motiva a mãe a continuar no programa Criança Feliz./ /

SONORA ITAMARA CARDOSO LESSA

LOC: Pesquisas científicas demostram os impactos positivos que o hábito da leitura causa no cérebro ainda nos primeiros anos de vida. Entre eles estão o aumento do vocabulário, da imaginação, da criatividade e do fortalecimento de vínculos. O ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, destaca a importância de parcerias, como a feita com a Fundação Itaú Social, para que o Criança Feliz alcance todos os municípios e fortaleça suas ações./

SONORA ALBERTO BELTRAME - ministro do desenvolvimento social

LOC: A entrega dos livros para as famílias é resultado da ação de vários setores do programa, que conta com um Comitê Gestor formado pelos ministérios do Desenvolvimento Social, da Justiça, da Saúde, da Educação e da Cultura. A representante do Ministério da Educação no comitê e coordenadora-geral de Educação Infantil, Carolina Velho, afirma que o livro tem papel fundamental na vida das crianças ao oferecer um ambiente de criatividade, desenvolvimento e a criação de vínculos afetivos./

SONORA CAROLINA VELHO - coordenadora-geral de educação infantil do mec

LOC: Na primeira etapa da ação, a expectativa do Ministério do Desenvolvimento Social é entregar um milhão de livros. Ao todo, serão mais de 8 milhões de livros entregues para todos os beneficiários do Criança Feliz e os Cras. O Criança Feliz é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e atende a mais de 267 mil crianças e gestantes, acompanhadas com visitas domiciliares. O público-alvo são gestantes e crianças de até 3 anos beneficiárias do Bolsa Família, e de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada, o BPC.//

Reportagem, Pamela Santos