Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2018 > Janeiro > Agricultores familiares de Pernambuco têm oportunidade de vender para o Exército

Agricultores familiares de Pernambuco têm oportunidade de vender para o Exército

publicado  em 11/01/2018 16h00
Agência MDS - Release Radio - 11/01/2018 - Agricultores familiares de Pernambuco têm oportunidade de vender para o Exército

 

LOC: O Comando Militar do Nordeste, com sede em Recife, Pernambuco, abriu Chamada Pública para a compra de alimentos produzidos por agricultores familiares do Estado. Serão investidos R$ 122 mil reais. O processo faz parte da modalidade Compra Institucional do Programa de Aquisição de Alimentos, coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social. A agricultora Fátima de Lima Torres, moradora do município de Gravatá, está se preparando para participar da Chamada Pública. Ela afirma que o programa do governo federal é eficaz porque dá segurança de venda e garante preço justo aos produtores regionais.

SONORA Fátima de Lima Torres- Agricultora familiar

LOC: Serão adquiridos verduras, frutas, legumes, polpas de frutas, ovos e queijos para a alimentação dos militares da região. Segundo o Secretário Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional , Caio Rocha, o governo federal está trabalhando para assegurar o fortalecimento da agricultura familiar. Ao incentivar que os órgãos públicos comprem dos pequenos produtores, o PAA está gerando renda e estimulando o agricultor a se qualificar.

SONORA Caio Rocha- Secretário Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional

LOC: O prazo para envio das propostas e dos documentos de habilitação vai até 15 de janeiro. A legislação determina que pelo menos 30% dos alimentos adquiridos para abastecer órgãos federais venham da agricultura familiar. Para saber mais sobre as chamadas públicas abertas em todo o país, é só acessar o portal www.comprasagriculturafamiliar.gov.br

Reportagem, Roberto Rodrigues