Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2018 > Abril > Pente-fino: INSS convoca mais 152 mil beneficiários para agendar perícias

Pente-fino: INSS convoca mais 152 mil beneficiários para agendar perícias

publicado  em 12/04/2018 18h37
Agência MDS - Release Radio - 21/11/2017 - Osmar Terra apresenta programa Criança Feliz a prefeitos de Santa Catarina

 

LOC: Mais de 152 mil segurados que recebem o auxílio-doença ou a aposentadoria por invalidez devem agendar as perícias médicas para revisão dos benefícios. Eles foram convocados, nesta quinta-feira, por meio de um edital publicado no Diário Oficial da União. O agendamento é obrigatório e deve ser feito exclusivamente pelo telefone 135. Não é preciso ir até uma agência do Instituto Nacional do Seguro Social, o INSS, para fazer a marcação da perícia.

Foram chamados pelo edital os beneficiários não encontrados nas convocações por carta ou que receberam a correspondência, mas não agendaram a perícia no prazo determinado. Quem teve o nome publicado no Diário Oficial tem até o dia 4 de maio para fazer o agendamento do exame. A lista com os nomes dos segurados convocados pelo INSS está disponível no site do Ministério do Desenvolvimento Social: mds.gov.br.

O ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, ressalta que a ação tem o objetivo de assegurar o direito de todos os beneficiários.


SONORA MINISTRO ALBERTO BELTRAME

LOC: Os convocados que não ligarem para o INSS pelo telefone 135 até o dia 4 de maio terão o benefício suspenso. Após 60 dias sem entrar em contato, o benefício será cessado. Em março, o governo já havia publicado outro edital convocando 94 mil pessoas que recebem auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez. Desses, apenas 10 mil fizeram o agendamento.

Desde o mês passado, o governo iniciou a segunda etapa do programa de revisão dos benefícios. Em 40 dias, já foram realizadas mais de 191 mil perícias, 10 vezes mais do que as feitas no mesmo período em 2017. Segundo o ministro, graças ao aperfeiçoamento na gestão do trabalho dos médicos-peritos e ao engajamento da categoria é possível que, até o final de 2018, sejam realizadas mais de 1 milhão e duzentas mil perícias. Beltrame afirma que o pente-fino tem o objetivo de garantir que os recursos cheguem para quem realmente precisa. Ele destaca os resultados da ação.

SONORA MINISTRO ALBERTO BELTRAME

LOC: O pente-fino do INSS já economizou aos cofres públicos, desde agosto de 2016, mais de 7 bilhões de reais. Estão sendo convocados beneficiários de auxílio-doença e aposentadoria por invalidez que estavam há mais de dois anos sem passar por uma perícia médica.
 
Reportagem, André Luiz Gomes