Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2017 > Outubro > Criança Feliz – famílias já percebem resultados do atendimento

Criança Feliz – famílias já percebem resultados do atendimento

publicado  em 02/10/2017 18h20
Agência MDS - Release Radio - 02/10/2017 - Criança Feliz – famílias já percebem resultados do atendimento

 

LOC: Os pais sempre sonham com um bom futuro para os filhos./ A melhor maneira de transformar esse sonho em realidade é estimular o desenvolvimento da criança desde o início da vida./ É isso que o Criança Feliz está fazendo./ Nesta quinta-feira, o programa completa um ano./ Foram meses de capacitação dos visitadores, coordenadores e supervisores./ Agora, a iniciativa acelera e a cada dia mais municípios realizam o atendimento domiciliar às famílias./ As visitas já ocorrem em 636 cidades de todas as regiões do país./ Nos encontros, os profissionais orientam os pais sobre a maneira adequada de promover o desenvolvimento dos filhos./ Em alguns lugares, já é possível perceber os resultados desse trabalho./ Pacatuba, em Sergipe, começou as visitas domiciliares em julho./ Desde então, a dona de casa Nubia dos Santos, que é beneficiária do Bolsa Família e mãe de cinco filhos, vê a evolução no comportamento do caçula Uémerson, de 4 meses./ Ele foi a primeira criança do Brasil a receber o acompanhamento do Criança Feliz./

Sonora NUBIA DOS SANTOS


LOC: Ver o desenvolvimento do pequeno Uémerson também faz a família sonhar com novos caminhos.

Sonora NUBIA DOS SANTOS


LOC: É no Centro de Referência de Assistência Social da cidade, o CRAS, que as visitadoras do Criança Feliz se reúnem uma vez por semana para planejar as atividades./ As três profissionais são responsáveis por acompanhar 107 criança e gestantes./ Lecy Matias é quem orienta e acompanha os cuidados com Uémerson./ Ela se emociona quando fala da receptividade das famílias ao programa./

Sonora LECY MATIAS


LOC: Uma vez por semana, Lecy dá dicas e propõe atividades para desenvolver a coordenação motora, a inteligência e o vínculo afetivo entre Uemerson e a mãe./ Ela diz que os estímulos estão fazendo com que o menino se desenvolva muito bem./

Sonora LECY MATIAS


LOC: Para a secretária de Assistência Social de Pacatuba, Faustilene Santos, o programa tem condições de promover uma revolução social.

Sonora FAUSTILENE SANTOS


LOC: O Criança Feliz integra ações nas áreas da saúde, assistência social, cultura, educação e garantia de direitos./ Os beneficiários do Bolsa Família são acompanhados desde a gestação até os três anos./ Para quem recebe o Benefício de Prestação Continuada, o BPC, o atendimento ocorre até os seis anos./ Em todo o país, 2.615 municípios aderiram ao programa./ Até 2018, o governo federal pretende atender cerca de quatro milhões de crianças.

Reportagem, Diego Queijo