Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2017 > Junho > MDS vai integrar ações de combate à violência no RJ

MDS vai integrar ações de combate à violência no RJ

publicado  em 06/06/2017 15h07
MDS vai integrar ações de combate à violência no RJ


 

LOC: O Ministério do Desenvolvimento Social vai integrar a força-tarefa do governo federal para o combate à violência no Rio de Janeiro./ O plano, anunciado nesta segunda-feira, vai unir ações de policiamento com a ampliação de serviços públicos para as comunidades carentes./ Serão adotadas medidas de curto, médio e longo prazo em assistência social, saúde, educação, cultura e garantia de direitos./ O trabalho na área social será coordenado pelo ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra./ Segundo ele, oferecer condições de melhoria de vida da população é fundamental para frear o avanço da violência./

TEC SONORA - Osmar Terra

LOC: Na área da segurança pública, participam da força-tarefa os ministérios da Justiça e da Defesa, além do Gabinete de Segurança Institucional./ Juntos, eles irão apoiar o Estado e o município do Rio de Janeiro, fortalecendo o policiamento local e com ações de enfrentamento ao tráfico internacional de drogas, de armas, ao contrabando e ao tráfico de pessoas./ As Forças Armadas, a Agência Brasileira de Inteligência e a Força Nacional participarão da estratégia./ De acordo com o General Sérgio Etchegoyen, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, esta ação integrada no Rio de Janeiro servirá de modelo para outros Estados./ O general também destacou a importância de fortalecer a área social./

TEC SONORA - Sérgio Etchegoyen

LOC: Uma das medidas em estudo é a ampliação emergencial dos valores repassados pelo Bolsa Família para as pessoas que vivem nas comunidades mais atingidas pela violência./ O Ministério do Desenvolvimento Social também pretende financiar os estudos das crianças carentes que tenham sido premiados em olimpíadas escolares./ A capacitação para o mercado de trabalho com cursos na área de tecnologia da informação e o incentivo ao esporte são outras medidas previstas./

TEC SONORA - Osmar Terra

LOC: O pacote de ações também incluiu a ampliação de vagas de acolhimento para moradia provisória, a criação do Posto de Atendimento Social Volante, que vai oferecer serviços disponíveis no Centro de Referência de Assistência Social, além de mutirões para auxílio jurídico e do Conselho Tutelar./ Uma nova reunião entre representantes do governo federal, Estado e município foi marcada para a próxima semana, em Brasília./ No encontro, serão definidos os últimos detalhes do plano./

Reportagem, Rodrigo Saccone