Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2017 > Dezembro > Forças no Esporte oferece desenvolvimento e alimentação saudável para jovens do Rio de Janeiro

Forças no Esporte oferece desenvolvimento e alimentação saudável para jovens do Rio de Janeiro

publicado  em 18/12/2017 16h21
Agência MDS - Release Radio - 21/11/2017 - Osmar Terra apresenta programa Criança Feliz a prefeitos de Santa Catarina

 

LOC: É fazendo muita força, todos os dias, que a Beatriz da Silva Martins, de 14 anos, vai buscando um futuro melhor para a família./ A menina, moradora da comunidade Jardim América, no Rio de Janeiro, é uma atleta de um esporte bem diferente: o levantamento de peso./  O caminho no esporte começou num Centro de Referência de Assistência Social, o Cras./ Lá, ela ficou sabendo do Programa Forças no Esporte, desenvolvido em parceria pelo s ministérios da Defesa, do Desenvolvimento Social e da Educação./

No Centro de Educação Física da Marinha, Beatriz recebe treinamento especializado, alimentação e reforço escolar./ O resultado? O 2º lugar no campeonato brasileiro sub-17 de levantamento de peso e o 6º nos Jogos Sul-americanos da Juventude disputados em Santiago, no Chile./ A menina conta que o programa abriu portas para o seu futuro./

Sonora BEATRIZ DA SILVA MARTINS

LOC: Em todo o Brasil, 23 mil crianças são atendidas pelo programa. O objetivo é resgatar a cidadania e dar aos jovens uma perspectiva de futuro melhor, vencendo a pobreza pela educação e esporte./ O Forças no Esporte é  uma das ações que foram reforçadas pelo Programa Emergencial de Ações Sociais para o Rio de Janeiro./ Assim como a Beatriz, outros jovens terão a oportunidade de praticar esportes, ter aulas de informática e melhorar de vida, ficando afastados dos riscos da rua./ O ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, afirma que os Centros de Referência de Assistência Social, Centros de Referência Especializado de Assistência Social e Centros POP também serão ampliados e irão receber investimentos de R$ 42 milhões. Para Osmar Terra, a integração entre as várias áreas do governo federal é importante para atrair as crianças e os adolescentes para fora do mundo do crime./

Sonora OSMAR TERRA - MINISTRO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL

LOC: A expectativa do governo federal é de atender 50 mil crianças e adolescentes de 6 a 17 anos das áreas dos Complexos do Lins de Vasconcelos, Alemão, Penha, Maré, Chapadão-Pedreira, Cidade de Deus e Vila Kennedy, Rocinha, Baixada Fluminense e Salgueiro, em São Gonçalo. As ações do Programa Emergencial de Ações para o Rio de Janeiro incluem um pacote de medidas nas áreas de justiça, educação, esporte e direitos humanos. Os beneficiários devem estar inseridos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, preferencialmente atendidos pelo Bolsa Família./

Reportagem, Pamela Santos