Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2017 > Agosto > Programa Criança Feliz irá monitorar o desenvolvimento das crianças até 2020

Programa Criança Feliz irá monitorar o desenvolvimento das crianças até 2020

publicado  em 02/08/2017 14h41
Agência MDS - Release Radio - 02/08/2017 - Programa Criança Feliz irá monitorar o desenvolvimento das crianças até 2020

 

LOC: Acompanhar e estimular de forma adequada as crianças mais vulneráveis durante o período mais importante para o desenvolvimento humano – os primeiros mil dias de vida./ Este é o objetivo do programa Criança Feliz, que através de visitas domiciliares irá promover o atendimento integral a crianças de baixa renda./ Pesquisas científicas mostram que crianças estimuladas desde a gestação até os três anos de vida chegam à escola mais preparadas para aprender, estudam mais e têm melhores condições de vencer a pobreza./ O Criança Feliz segue o que a ciência tem apontado como melhores práticas./

Uma das pesquisas que embasam o programa é conduzida por um consórcio internacional de cientistas./ Eles acompanharam o desenvolvimento de 11 mil pessoas desde o útero até a vida adulta./ A análise dos dados demonstrou que, nos primeiros mil dias de vida, o ser humano desenvolve a maior parte de suas competências fundamentais./ O responsável por coordenar este estudo é o médico epidemiologista e cientista brasileiro Cesar Victora./ Ele vai integrar a equipe montada pelo Ministério do Desenvolvimento Social para avaliar o Criança Feliz até 2020./ O objetivo é medir os resultados do programa, dando condições de fazer ajustes e garantir o melhor atendimento às famílias./ O doutor Victora destaca que esta preocupação do governo, de basear as ações em evidências científicas, vai garantir o sucesso do programa./

Sonora Cesar Victora - médico epidemiologista


LOC: : Este ano, o doutor Cesar Victora recebeu o Prêmio Gairdner de Saúde Global, a mais importante distinção científica do Canadá, por ter coordenado estudos que trouxeram avanços para a saúde das crianças em países em desenvolvimento./ Ele destaca que o Criança Feliz irá promover uma revolução nos cuidados com a primeira infância./

Sonora Cesar Victora - médico epidemiologista


LOC: Até agora, 2.547 municípios já aderiram ao programa em todo o país./ Através de visitas domiciliares semanais, profissionais capacitados irão mostrar aos pais a melhor maneira de estimular o desenvolvimento dos filhos./ Serão atendidas as gestantes e crianças de até três anos beneficiárias do Bolsa Família, e as de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada, o BPC./ Coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social, o Criança Feliz irá atender cerca de 4 milhões de crianças até o final de 2018 em todo o Brasil.//

Reportagem, Carolina Graziadei