Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2016 > Setembro > Ministro conhece ferramenta utilizada pelo governo do RJ para garantir benefícios sociais

Ministro conhece ferramenta utilizada pelo governo do RJ para garantir benefícios sociais

publicado  em 27/09/2016 00h00

Rep: O ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, esteve no Rio de Janeiro para conhecer uma ferramenta utilizada pelo governo do estado para acompanhar e selecionar os beneficiários do programa Renda Melhor, que é um complemento estadual para o Bolsa Família./ O modelo matemático usa 132 informações declaradas pelas famílias no Cadastro Único do governo federal./ Com o cruzamento dos dados, é possível chegar à renda média das famílias, levando em conta a renda declarada e aspectos como escolaridade, bens duráveis, condições de moradia e número de moradores./ O modelo ajudou o estado a destinar o benefício para pessoas que realmente precisam e a excluir do pagamento famílias que tinham condições econômicas melhores do que afirmavam./ A subsecretária estadual de integração de programas sociais, Lúcia Modesto, diz que isso otimizou a aplicação dos recursos./

Sonora

Rep: A ferramenta se baseia em uma pesquisa do economista e professor do Insper Ricardo Paes de Barros./ Ele afirma que, com inteligência, é possível melhorar a aplicação dos recursos públicos e destinar programas sociais para os mais necessitados./ Assim, os programas se tornam mais eficientes./

Sonora Ricardo Paes de Barros

Rep: O ministro Osmar Terra destacou que experiências positivas, como esta do Rio de Janeiro, vão ajudar o governo federal a qualificar o Bolsa Família./

Sonora

Rep: O programa Bolsa Família beneficia 14 milhões de famílias./ Neste mês, a folha de pagamento do programa foi de mais de 2 bilhões e 500 milhões de reais./ O programa não será cortado./ O governo federal está fazendo uma revisão para excluir aqueles que não estejam de acordo com as regras do Bolsa e dar lugar para quem realmente precisa./ Programas de incentivo ao empreendedorismo e à inclusão produtiva também estão em desenvolvimento com o objetivo de emancipar as famílias da situação de pobreza./