Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2016 > Outubro > Representante das Nações Unidas destaca importância da Assistência Social para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Representante das Nações Unidas destaca importância da Assistência Social para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

publicado  em 26/10/2016 15h29

REP: O Sistema Único de Assistência Social, o Suas, foi classificado como essencial para o alcance dos objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas./ A afirmação é da representante do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), Fernanda Lopes, durante o lançamento do relatório Situação da População Mundial 2016, nesta quarta-feira. 

O documento destacou a importância dos países investirem no desenvolvimento de meninas, com 10 anos ou mais. O trabalho infantil, a falta de acesso a serviços de educação e saúde, o casamento precoce e a violação de direitos são alguns dos problemas que podem prejudicar o desenvolvimento pleno dessas garotas na idade adulta. 

Fernanda Lopes disse que a assistência social no Brasil oferece uma porta de entrada para as políticas públicas. 

TEC SONORA FERNANDA LOPES
3’34 – 4’30 - Os centros de referência da Assistência Social eles são decisivos para mudar esse quadro. O resultado dessas mudanças serão ainda mais visíveis, sustentáveis, se houver uma integração entre as diferentes políticas. Na proteção social você tira de uma situação de violência [...], mas é preciso que a saúde entre, que a educação esteja presente, mas que a cultura, o lazer façam parte para reconstruir essa identidade que foi violada é preciso investir na intersetorialidade. 

REP: A representante do Organismo internacional ainda ressaltou que o Brasil é um dos poucos países no mundo onde a proporção de meninas na escola é maior do que a dos meninos./ O Bolsa Família, que exige que os pais mantenham os filhos na escola, teve papel fundamental nesta conquista./ 

Para a secretária de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, Carminha Brant, o relatório servirá de base para a formulação de políticas voltadas para esta faixa etária. 

TEC SONORA CARMINHA BRANT
0’11’’ – 1’14 - Esse relatório está destacando dois grupos etários muito importantes para o nosso ministério – os adolescentes e a juventude. Estamos tentando buscar uma rede nacional[...], que há um vazio de políticas públicas para esta faixa etária. [...] Fica um buraco, um vazio, que é claro para nós, para a educação, para a saúde. É o momento de darmos maior visibilidade e formular políticas para esta faixa etária. 

REP: A secretária ressaltou ainda que o governo federal vem realizando um esforço expressivo no combate ao trabalho infantil. 

No total, são mais de 60 milhões de meninas que precisam de uma maior atenção em todo o mundo. Já no Brasil, esse número atinge 1 milhão e seiscentas mil pessoas nesta faixa etária. 

De Brasília, Carolina Graziadei

registrado em: