Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Rádio > 2016 > Dezembro > Mais de 13 milhões e 500 mil famílias podem sacar o pagamento de dezembro do Bolsa Família

Mais de 13 milhões e 500 mil famílias podem sacar o pagamento de dezembro do Bolsa Família

publicado  em 13/12/2016 00h00

Loc: A diarista Izabel Martins tem 2 filhos e sustenta a casa sozinha./ Nos últimos meses, o trabalho diminuiu e a situação financeira apertou./ O Bolsa Família é que está ajudando a Izabel, principalmente na alimentação dos filhos.//

Sonora: Izabel Martins – diarista

Loc: A família da Izabel é uma das 13 milhões, 569 mil cadastradas no programa Bolsa Família em todo o país./ O pagamento de dezembro do benefício começou no dia 12 e vai até o dia 23./ Ao todo, mais de 2 bilhões e 450 milhões de reais serão pagos pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário./

Nos últimos sete meses, o Bolsa Família foi reforçado./ O presidente Michel Temer autorizou um reajuste de 12 e meio por cento no valor do benefício médio./ Fazia dois anos que o programa não recebia um aumento./ O programa também está sendo reforçado por outras ações./  O Criança Feliz vai ajudar as famílias a estimular o desenvolvimento dos filhos com o acompanhamento periódico de visitadores./ Crianças estimuladas da maneira correta se tornam adultos mais preparados para vencer a pobreza./ Outra ação que será lançada é uma estratégia de inclusão produtiva./ A ideia é dar condições para que os beneficiários do bolsa família possam se tornar empreendedores através da capacitação profissional e de linhas de crédito para investimento./ O ministro de Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, destacou que todas estas medidas demonstram que a área social é uma prioridade para o governo./

Sonora: Osmar Terra – ministro do Desenvolvimento Social e Agrário

Loc: O pagamento do Bolsa Família respeita um calendário predeterminado./ Para saber quando vai receber, o beneficiário deve observar o Número de Identificação Social, o NIS, impresso no cartão do programa./ O beneficiário que tiver o número com final 1, pode sacar no primeiro dia. / Os com final 2, no segundo dia e assim por diante./ Os recursos ficam disponíveis para saque por três meses./ O valor pago para cada família varia de acordo com a renda, o número de pessoas que moram no domicílio e a idade de cada uma delas./

De Brasília, Rodrigo Saccone