Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Setembro > Assistência Social: gestores estaduais e municipais são capacitados sobre orçamento

Notícias

Assistência Social: gestores estaduais e municipais são capacitados sobre orçamento

CAPACITAÇÃO

Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS) promoveu uma semana de instruções para apoiar gestões locais na execução orçamentária e financeira
publicado  em 20/09/2019 19h07
Foto: Clarice Castro

Brasília – Mais de 130 secretários municipais e estaduais da Assistência Social, além de profissionais ligados à gestão e execução orçamentária da área, se reuniram em Brasília para participar da III Semana de Gestão Orçamentária e Financeira do Sistema Único da Assistência Social (Suas), que terminou nesta sexta-feira (20). O evento abordou temas como a utilização e a prestação de contas dos recursos repassados pelo governo federal por meio do Fundo Nacional de Assistência Social (FNAS).

O assessor do Fundo Nacional e coordenador do apoio técnico, André Yosan, ressaltou que o apoio aos gestores busca proporcionar um melhor atendimento à população mais vulnerável por meio dos programas e serviços da Assistência Social. “Aprimoramos as metodologias de cálculos, de repasses, mas todo esse aperfeiçoamento na gestão federal não adianta se os municípios não fazem a parte deles, melhorando seus processos internos de gestão orçamentária e financeira. Então, o objetivo é ajustar este gargalo lá na ponta para que isso resulte em serviços mais bem executados para o nosso usuário da assistência social”, explicou.

Durante toda a semana, foram apresentados temas como as regras para utilização dos recursos, planejamento financeiro, equipes de referência do Sistema Único de Assistência Social, cálculo do Índice de Gestão Descentralizada e dos valores repassados aos municípios, prestação de contas e monitoramento da gestão orçamentária e financeira.

A secretária estadual de Assistência Social do Amazonas, Márcia Sahdo, apontou que a oficina vai ajudar a sua pasta na hora de orientar os municípios. “Isso nos capacita para dar um apoio melhor para que os municípios possam prestar contas adequadamente. E com o cofinanciamento que fizemos agora, vamos precisar acompanhar, ver se eles estão executando esse recurso adequadamente dentro de cada serviço da assistência social”, afirmou.

Já o secretário municipal de Desenvolvimento Social de Santa Cruz do Capibaribe (PE), Ivanilson Feitosa, sugeriu que capacitações como esta sejam repetidas para que os municípios possam evoluir na gestão dos recursos. “Tem algumas práticas, lá no nosso interior, na nossa distância, que a gente não consegue absorver. Defendemos que seja colocada em prática uma formação continuada para as secretarias. A partir do momento em que temos acesso a essas informações de forma permanente, poderemos ter um rendimento melhor”, avaliou.

Segundo a presidente do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS), Aldenora Gonzales, a capacitação também facilita o controle social da política a favor da melhoria nos serviços. “Não tem como você exercer o controle social se não estiver qualificado. Além disso, este formato de curso é extremamente necessário para capacitar milhares de gestores do país. Tem muita gente com boa intenção, mas que acabam pecando pela falta de conhecimento”, avaliou.

Saiba mais
O Ministério da Cidadania realiza, a cada três meses, oficinas para auxiliar gestores municipais e estaduais e conselheiros de todo o Brasil. Para acompanhar as datas das capacitações, acompanhe o blog do Fundo Nacional de Assistência Social - http://blog.mds.gov.br/fnas/.

Por André Luiz Gomes

Assessoria de Comunicação
Ministério da Cidadania

Informações para a imprensa:
(61) 2024-2266 / 2412