Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Novembro > Base Aérea de Salvador abre edital para compra de R$ 417 mil de pequenos produtores

Notícias

Base Aérea de Salvador abre edital para compra de R$ 417 mil de pequenos produtores

AGRICULTURA FAMILIAR

Chamada pública se encerra na próxima terça-feira (12). Frutas, verduras e hortaliças são alguns dos itens que podem ser ofertados
publicado  em 08/11/2019 17h52
Foto: Clara Angeleas

Os agricultores familiares da região próxima a Salvador, na Bahia, têm uma oportunidade de vender seus produtos para o Comando da Aeronáutica. Isso porque a Base Aérea de Salvador está com uma chamada pública aberta até a próxima terça-feira (12), para a compra de alimentos que totalizam o investimento de R$ 417 mil. A lista de compras é composta por 55 itens que incluem hortaliças, frutas e verduras – eles irão abastecer a unidade por um ano. As propostas e documentos das cooperativas e dos agricultores devem ser entregues na sede da unidade, no bairro de São Cristóvão.

A aquisição será feita por meio da modalidade Compra Institucional, do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Por lei, ao menos 30% dos produtos obtidos para alimentação nas instituições públicas federais devem vir da agricultura familiar.

A coordenadora de Aquisição e Distribuição de Alimentos substituta do Ministério da Cidadania, Viviane Albuquerque, aponta que a compra deve garantir um mercado importante para os agricultores familiares da região. “Isso vai beneficiar os produtores locais, do próprio município ou os mais próximos, porque são produtos que têm uma perecividade muito rápida. Então, é interessante que os agricultores estejam mais próximos, por uma questão de logística e para que sejam mais frescos também”, explicou.

A iniciativa também promove o desenvolvimento local, como ressalta a coordenadora Viviane Albuquerque. “Esse investimento das Forças Armadas, no caso a Aeronáutica, que já tem um recurso destinado para a compra de alimentos, representam mais desenvolvimento local, mais renda para os produtores e a possibilidade de mais qualidade de vida no campo também”, completou Viviane.

Saiba Mais
Para acompanhar as chamadas públicas abertas em todo o país, basta acessar o portal comprasagriculturafamiliar.gov.br. Na modalidade Compra Institucional do PAA, cada agricultor pode vender até R$ 20 mil por ano para cada órgão comprador. Já para as cooperativas ou associações, o teto é de R$ 6 milhões por ano, por órgão comprador.

Por André Luiz Gomes

Assessoria de Comunicação
Ministério da Cidadania

Informações para a imprensa:
(61) 2024-2266 / 2412
www.cidadania.gov.br/imprensa