Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Novembro > Ações da Aliança por Brumadinho avançam para recuperação do município

Notícias

Ações da Aliança por Brumadinho avançam para recuperação do município

PARCERIA

Novos parceiros se aliam ao grupo em prol da reconstrução da cidade; Aliança foi criada pelo Ministério da Cidadania em março deste ano
publicado  em 08/11/2019 17h06
Foto: Ronaldo Caldas

Projetos nas áreas de cidadania, desenvolvimento econômico, educação e saúde para a recuperação de Brumadinho (MG), com a reconstrução do município e o resgate da autoestima da comunidade, avançaram desde a criação da Aliança por Brumadinho, em março deste ano, por iniciativa do Ministério da Cidadania. Os resultados das ações foram apresentados ao ministro da Cidadania, Osmar Terra, na manhã desta quinta-feira (7), em Brasília, na 2ª Reunião Geral de Parceiros da Aliança por Brumadinho. A aliança é formada por representantes de empresas, instituições e governos – federal, estadual e municipal – em prol do desenvolvimento da cidade.

Na ocasião do encontro, Terra destacou a importância do trabalho que está sendo realizado no município e, também, do acompanhamento criterioso que tem sido feito por meio das ações do grupo. O ministro assinou um acordo de cooperação entre a Aliança por Brumadinho e a Ambev, que doará R$ 600 mil para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – por meio dessa verba, serão desenvolvidas ações em prol da infância e da juventude no local.

Também foram apresentados os novos parceiros da Aliança: a MCA Gribel - Negócios Imobiliários e o Sistema Ocemg / Sescoop-MG. Eles vão agregar esforços às mais de 20 instituições que atualmente participam do pacote de medidas pró-Brumadinho.

Grupo empresarial com origem em Belo Horizonte, a Gribel Imóveis chega à Aliança com o compromisso de construir um condomínio residencial no município, que contará com um haras, um spa e um hotel boutique com vinícola. A ideia é que toda a mão de obra, desde a construção até a manutenção do empreendimento, seja local – sendo 30% das vagas ocupadas prioritariamente por jovens do Bolsa Família.

A próxima reunião do grupo foi marcada para dezembro, em Brumadinho.

Resultados

Dentre os avanços no município, fruto da Aliança por Brumadinho, se destaca a aceleração na retomada das obras do hospital local, a partir da resolução de pendências documentais com a Caixa Econômica Federal e o Corpo de Bombeiros, capitaneadas pelo Ministério da Cidadania – ultrapassada a questão burocrática, cabe à prefeitura de Brumadinho a publicação do edital para licitação da obra.

O governo federal ainda conseguiu, junto à Caixa Econômica, liberação para viabilizar o projeto de construção de 120 moradias do programa Minha Casa Minha Vida, o maior programa habitacional já criado no Brasil.

A chegada à cidade da “Carreta Furnas”, financiada pela empresa Furnas Centrais Elétricas, também foi uma vitória. Estacionada em frente à quadra esportiva do município, a carreta tem função dupla: servirá como escritório permanente da Aliança por Brumadinho na cidade e abrigará o projeto “Educar para Preservar”, desenvolvido para orientar os estudantes e moradores sobre a importância da preservação da natureza e do combate ao desperdício de energia elétrica.

Próximas ações

Para os próximos meses, uma das prioridades será o planejamento de ações para o contraturno escolar. O diferencial é que os próprios alunos irão dizer quais atividades desejam praticar. Para tanto, está sendo realizada uma pesquisa de interesse entre os estudantes da região. As ações da Aliança nesta área serão implementadas a partir de fevereiro de 2020.

No eixo de desenvolvimento econômico, a ação tem três grandes prioridades: a construção de um resort, com foco no impulsionamento do turismo local; a formação de cooperativas agrícolas; e a capacitação de jovens que nem estudam e nem trabalham, os chamados “nem-nem”. Em relação a esta última, a equipe do Ministério da Cidadania organizou uma pesquisa de campo no município para saber quais as áreas e cursos de interesse, tanto dos jovens que residem na sede do município, quanto dos que moram na zona rural, para que a iniciativa possa atender a suas reais necessidades.

Aliança por Brumadinho

Em 25 de janeiro, o rompimento da barragem do Córrego do Feijão afetou o município de Brumadinho, em Minas Gerais. Com o objetivo de reverter o quadro, o Ministério da Cidadania criou, em março, a Aliança por Brumadinho. Todas as ações são fruto de articulação entre o ministro da Cidadania, Osmar Terra, e representantes dos ministérios do Desenvolvimento Regional, do Turismo e da Saúde; além dos governos do município de Brumadinho e do estado de Minas Gerais.

Desde o início do ano, o Ministério da Cidadania implementa medidas para ajudar os moradores da cidade. Entre as ações, estão auxílios emergenciais para beneficiários do Bolsa Família, do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e da Renda Mensal Vitalícia (RMV). Ao todo, foram atendidos 1.506 beneficiários do Bolsa, 743 beneficiários do BPC – sendo 348 pessoas com deficiência e 395 idosos – e 32 beneficiários da RMV. A ação foi instituída pela publicação da Medida Provisória Nº 875, de 12 de março de 2019. Em fevereiro, os beneficiários do BPC também tiveram o pagamento antecipado.

Outra medida foi a liberação imediata do saque do benefício do Bolsa Família em janeiro, sem seguir o calendário regular de pagamento. O município também teve um calendário especial de repercussões dos processos de Averiguação e Revisão Cadastral 2019 nos benefícios do programa.

Assessoria de Comunicação
Ministério da Cidadania

Informações para a imprensa:
(61) 2024-2266 / 2412
www.cidadania.gov.br/imprensa