Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Julho > PAA está com chamadas públicas em Pernambuco

Notícias

PAA está com chamadas públicas em Pernambuco

Agricultura Familiar

Unidades do Exército em Recife e São Bento do Una estão investindo em alimentos da agricultura familiar
publicado  em 19/07/2019 17h17
Foto: Arquivo

Brasília/DF – Produtores de Pernambuco têm oportunidade de negociar seus cultivos por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Pela modalidade Compra Institucional, o Exército investirá mais de R$ 506 mil em alimentos da agricultura familiar. Vale lembrar que trabalhadores de todo o País, inscritos no PAA, podem enviar suas propostas.

A 10ª Companhia de Engenharia de Combate de São Bento do Una comprará R$ 149.286,85 em produtos como frutas, legumes, queijo, rapadura e doce de leite. Também podem fornecer suas produções silvicultores, aquicultores, extrativistas, entre outros. O prazo para envio de propostas da chamada pública de São Bento do Una acaba dia 31 de julho.

É importante ressaltar que, ao serem entregues, os gêneros alimentícios terão sua qualidade analisada. Caso não estejam em perfeitas condições de consumo, segundo avaliação do responsável pelo recebimento, os produtos serão devolvidos e o fornecedor deverá substituí-los.

Em Recife, mais investimentos ao PAA. O 14° Batalhão Logístico do Exército injetará R$ 356.927,43 em aquisições da agricultura familiar. Entre os produtos, estão batata doce, feijão verde, manga rosa, manga formosa, mel de abelha, queijo manteiga, entre outras variedades. As propostas devem ser encaminhadas até 28 de julho.

A coordenadora de Compra Institucional da Secretaria de Inclusão Social e Produtiva Rural do Ministério da Cidadania, Viviane Albuquerque, explica a importância do investimento das unidades militares pernambucanas para o mercado. “Para a gente é importante, principalmente, pela abertura de mais mercado na região Nordeste. Até agora, no ano de 2019, é a região que menos abriu mercado para os alimentos da agricultura familiar – apenas em torno de 4% do valor total de chamadas públicas”, destacou.

Saiba mais
O agricultor pode vender até o limite de R$ 20 mil, por ano, para cada órgão comprador. Já para as cooperativas ou associações, o teto é de R$ 6 milhões por ano. O PAA Compra Institucional permite que a administração pública federal, estadual e municipal possa obter, com recursos próprios, produtos da agricultura familiar com dispensa de licitação. Os editais para compras institucionais estão disponíveis no site www.comprasagriculturafamiliar.gov.br.