Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Janeiro > Cidadania anuncia ações emergenciais e de longo prazo para Brumadinho

Notícias

Cidadania anuncia ações emergenciais e de longo prazo para Brumadinho

EM MINAS GERAIS

Nesta segunda-feira (28), ministro Osmar Terra sobrevoou áreas atingidas pelo desastre e discutiu situação com população e representantes do Estado e município mineiros
publicado  em 28/01/2019 18h26
Exibir carrossel de imagens Clarice Castro Ministro Osmar Terra (centro) se reúne com o vice-prefeito de Brumadinho, Leônidas Maciel, e a secretária estadual de Impacto Social, Elizabeth Jucá (dir.).

Ministro Osmar Terra (centro) se reúne com o vice-prefeito de Brumadinho, Leônidas Maciel, e a secretária estadual de Impacto Social, Elizabeth Jucá (dir.).

Brumadinho (MG) – O ministro da Cidadania, Osmar Terra, acompanhou, nesta segunda-feira (28), o trabalho das equipes que prestam atendimento às vítimas do desastre em Brumadinho (MG). Após reuniões com representantes do Estado de Minas Gerais e do município, foram divulgadas medidas emergenciais e de longo prazo para ajudar a população atingida pelo rompimento de uma barragem de rejeitos de minério, na última sexta-feira (25).

Entre as ações, está a antecipação do pagamento do Bolsa Família para os beneficiários do município. A situação de pequenos produtores rurais da região, famílias desabrigadas e beneficiários de outros programas sociais do governo federal também foi debatida no encontro. “Estamos fazendo a antecipação de recursos, ouvindo as demandas e avaliando a situação de programas locais para o atendimento da população mais vulnerável”, afirmou Osmar Terra.

Uma equipe do Ministério da Cidadania será enviada nesta quarta-feira (30) para mapear os afetados pela tragédia. De acordo com Osmar Terra, o grupo deve apoiar as equipes municipais de assistência social que já trabalham no direcionamento dos desabrigados para alojamentos e incluir vítimas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. “Como muitas pessoas perderam o que tinham, elas vão precisar de auxílio do governo em programas de transferência de renda, por exemplo. Então, daremos uma atenção maior”, explicou.

Apoio – A secretária estadual de Impacto Social, Elizabeth Jucá, reforçou que “este cadastramento também deve servir como uma das bases para a análise dos impactos e até tornar mais ágil o processo para possíveis indenizações à população”. Já o vice-prefeito de Brumadinho, Leônidas Maciel, conta que o apoio do ministério deve ajudar as famílias afetadas e fortalecer as ações da Cidadania no município. “Teremos muitos problemas pela frente, por isso, receber o apoio do ministro é fundamental.”

Nos próximos dias, o governo federal deve anunciar também a antecipação do pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC) no município.

*Por Diego Queijo

Informações para a imprensa:
Ascom/Ministério da Cidadania
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa