Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Janeiro > Equipe do Ministério da Cidadania dá suporte às vítimas do desastre em Brumadinho

Notícias

Equipe do Ministério da Cidadania dá suporte às vítimas do desastre em Brumadinho

APOIO

Técnicos da Secretaria Nacional de Assistência Social estão no município mineiro desde quarta-feira (29) para auxiliar no cadastramento das famílias afetadas, entre outras ações
publicado  em 01/02/2019 15h22
Comitiva do Ministério da Cidadania em Brumadinho.

Comitiva do Ministério da Cidadania em Brumadinho.

Brasília – O Ministério da Cidadania está atuando no suporte às ações de assistência social em Brumadinho (MG). Desde quarta-feira (28), uma comitiva da pasta auxilia as equipes locais no cadastramento das famílias afetadas pela tragédia para definir ações emergenciais e futuras. O trabalho integra um pacote de medidas de apoio às vítimas coordenado pela pasta.

No início desta semana, o ministro da Cidadania, Osmar Terra, sobrevoou a região e se reuniu com autoridades locais para levantar as principais demandas do município. Desde então, o ministério tem trabalhado no sentido de minimizar os danos provocados pelo rompimento de uma barragem de rejeitos de minério, no dia 25 de janeiro.

“A partir de agora, Brumadinho vai precisar cada vez mais de apoio, por isso, estamos pensando em programas de desenvolvimento local sustentável, de capacitação profissional. O município depende muito da mineração e será preciso criar alternativas para essa atividade”, afirmou Terra.

Diagnóstico – O Ministério da Cidadania já trabalha na elaboração de um diagnóstico da situação de emergência e em um plano pós-emergencial, com foco no atendimento social das vítimas. O documento deve estar pronto em até 30 dias.

Um formulário informatizado foi desenvolvido especialmente para a coleta dos dados. Segundo a diretora-substituta de Proteção Social do ministério, Maria Yvelonia Barbosa, o cadastro também servirá de subsídio para a tomada de decisão de outros órgãos envolvidos no suporte às pessoas atingidas pelo desastre.

“De posse dos dados, nós vamos ter condições de verificar como era a situação dessas famílias antes do desastre, como está agora e como vai ficar no futuro, o que permitirá dar continuidade ao processo de acompanhamento das vítimas”, explicou Yvelonia.

Nas próximas semanas, o ministério irá capacitar as equipes locais responsáveis por  preencher os formulários. “É um momento delicado e as pessoas estão muito sensíveis. Então, é importante que quem vá fazer o atendimento às famílias esteja minimamente preparado para lidar com esse tipo de fragilidade”, acrescentou.

Pacote de medidas – O Ministério da Cidadania também anunciou a antecipação do Bolsa Família na região. Com a medida, os beneficiários poderão sacar o dinheiro já no primeiro dia de pagamento, sem precisar seguir o calendário do programa. Em fevereiro, o repasse começará no dia 15 e seguirá até dia 28. No município mineiro, 1.506 famílias recebem o benefício, totalizando R$ 272,9 mil repassados mensalmente.

Outra medida foi a liberação de R$ 300 mil para a ampliação do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) em Brumadinho. A iniciativa possibilita a compra alimentos da agricultura familiar, com dispensa de licitação, e os destina às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional. Atualmente, 43 agricultores do município integram o programa, sendo que o recurso disponível para a região era de R$ 120 mil. Agora, o total chegará a R$ 420 mil.

Nos próximos dias, o Ministério da Cidadania deve anunciar ainda a antecipação do pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC) em Brumadinho.

Saiba mais:

Ministério da Cidadania libera R$ 300 mil para apoio à agricultura familiar em Brumadinho

Moradores de Brumadinho terão pagamento do Bolsa Família antecipado

Cidadania anuncia ações emergenciais e de longo prazo para Brumadinho

*Por Débora Cruz

Informações sobre os programas do Ministério da Cidadania:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/Ministério da Cidadania
(61) 2030-1505 / 9.9229-6773
www.mds.gov.br/area-de-imprensa