Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2019 > Fevereiro > Ministro da Cidadania propõe ações sociais a municípios de Goiás

Notícias

Ministro da Cidadania propõe ações sociais a municípios de Goiás

POLÍTICAS PÚBLICAS

Em Goiânia, Osmar Terra participou da apresentação dos resultados do Índice Multidimensional de Carência das Famílias
publicado  em 19/02/2019 19h14
Foto: Mauro Vieira

Goiânia/GO - O ministro da Cidadania, Osmar Terra, participou nesta terça-feira da apresentação dos resultados do Índice Multidimensional de Carência das Famílias (IMCF), em encontro  promovido pelo Gabinete de Políticas Sociais do Estado de Goiás. Elaborado pelo Instituto Mauro Borges, o estudo teve como base as famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal .

Segundo o diretor do Instituto, Claudio Gondim Nogueira, a pesquisa adotou critérios como analfabetismo, falta de água canalizada e energia elétrica, evasão escolar e ausência de banheiro nas moradias. Os prefeitos das dez cidades goianas que registraram os piores desempenhos participaram da reunião, e estes municípios terão prioridade na aplicação de políticas sociais.

No evento, Osmar Terra anunciou medidas que darão suporte às ações.  “A ideia é aumentar o número de jovens que tenham trabalho e renda. Vamos, inclusive, dar um estímulo dentro do Bolsa Família para esses jovens. Estamos trabalhando com a ideia de municípios com cidadania plena, onde todas as possibilidades de desenvolvimento humano sejam oportunizadas”.

O ministro ainda ressaltou que o projeto pode ser expandido a outros estados. “Nós nos comprometemos a ajudar a fazer desses municípios pilotos para poder irradiar essas ações não só em Goiás, mas em outros lugares do Brasil. Temos que dar uma resposta à sociedade e a esses jovens, criar oportunidades”.

De acordo com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, o auxílio do governo federal será imprescindível para modificar a realidade dos municípios, que devem ser tratados conforme as suas particularidades. “É fundamental que tenhamos essa parceria e, a partir daí, mostremos resultados. Isso tanto na área da saúde, psicossocial, na área da profissionalização, enfim, cada uma com tratamento diferenciado. Não tem como tratar de regiões distintas da mesma forma”.

Também participaram do evento o secretário Especial de Desenvolvimento Social, Lelo Coimbra, e o secretário-adjunto de Cultura, José Paulo Martins.

*Por Renata Garcia

Informações sobre os programas do Ministério da Cidadania:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/Ministério da Cidadania
(61) 2030-1505 / 9.9229-6773
www.mds.gov.br/area-de-imprensa