Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2018 > Junho > Aperfeiçoamento do Bolsa Família é tema de encontro entre gestores

Notícias

Aperfeiçoamento do Bolsa Família é tema de encontro entre gestores

Colaboração

Mais de 250 representantes das áreas de saúde, educação e assistência social se reuniram para discutir melhorias na gestão do programa e do Cadastro Único
publicado  em 11/06/2018 17h23
Exibir carrossel de imagens Foto: Rafael Zart/MDS Secretário nacional de Renda de Cidadania do MDS, Tiago Falcão.

Secretário nacional de Renda de Cidadania do MDS, Tiago Falcão.

Brasília - Trocar experiências e construir de forma integrada uma proposta de Rede Colaborativa de apoio à Gestão do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família. Esse é o objetivo da Mesa Técnica Ampliada, evento coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) que reúne cerca de 250 gestores municipais e estaduais do Cadastro Único e do Bolsa Família, além dos coordenadores de saúde, educação e assistência social, até quarta-feira (13). 

Para o secretário nacional de Renda de Cidadania do MDS, Tiago Falcão, a mesa técnica ampliada reúne em um mesmo espaço coordenadores estaduais, gestores de metrópoles e de outros municípios convidados, além de coordenadores estaduais e técnicos federais do Cadastro Único e do Bolsa Família para que possam construir, juntos, uma proposta de rede colaborativa e qualificar o atendimento à população. 

Segundo Falcão, o debate sobre o papel da a integração das áreas de saúde, educação e assistência social é fundamental para que as pessoas atendidas pelo Bolsa Família tenham mais condições para melhorar de vida. “A experiência do programa nos mostra que os resultados são muito melhores quando as diversas áreas de governo trabalham de maneira articulada”, ressalta o secretário.    

A coordenadora do Bolsa Família na Educação de Natal (RN), Edineusa Mota, reforça que o encontro serve para estimular ainda mais a intersetorialidade e o trabalho em conjunto, o que gera bons resultados para os beneficiários. “O debate é um momento especial, em que podemos discutir soluções para os problemas que a gente vê na base. Tanto o MDS quanto o Ministério da Educação (MEC) ouvem as nossas angústias e buscam soluções em conjunto, porque não dá certo cada um tentar na sua área separadamente e não construirmos esse trabalho em rede.” 

A assessora técnica do núcleo de proteção social básica no município do Rio de Janeiro (RJ), Soraia Soares, comenta que ao se debater as diferentes realidades dos municípios, a repercussão se dá na ponta, nos trabalho dos profissionais que atendem à população. “No Rio de Janeiro, vivemos uma situação séria no enfrentamento à violência e, nesse ponto, temos que pensar em todas as frentes para solucionar o problema.” 

A mesa de abertura foi mediada pelo secretário nacional de Renda de Cidadania, Tiago Falcão, e contou com a participação da diretora do departamento de proteção social substituta do MDS, Heloísa Egas; do diretor do departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde, João Salame Neto; do diretor de políticas de Educação em Direitos Humanos e Cidadania do Ministério da Educação (MEC), Daniel Ximenes; e da doutora em Ciência Política e professora em gestão de políticas públicas da Universidade de São Paulo (USP), Renata Bichir. 

A Mesa Técnica Ampliada do Cadastro Único e Bolsa família acontece até quarta-feira (13) em Brasília.  

Saiba Mais: 

O Bolsa Família é voltado para famílias extremamente pobres (renda per capita mensal de até R$ 85) e pobres (renda per capita mensal entre R$ 85,01 e R$ 170). Os beneficiários recebem o dinheiro mensalmente e, em contrapartida, cumprem compromissos nas áreas de saúde e educação. 

Atualmente, o Cadastro Único possui cerca de 27 milhões de famílias, sendo 13,9 milhões beneficiárias do Bolsa Família. No cumprimento das condicionalidades, 13,2 milhões de crianças e adolescentes tiveram a frequência escolar registrada no primeiro período deste ano. Já na área de saúde, 8,5 milhões de famílias foram acompanhadas pelas equipes da rede do Sistema Único de Saúde (SUS) na segunda vigência de 2017.

*Por Carolina Graziadei 

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003 

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505 / 9.9229-6773
www.mds.gov.br/area-de-imprensa