Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2018 > Janeiro > Comitê Gestor do Criança Feliz debate novas metodologias para o desenvolvimento infantil

Notícias

Comitê Gestor do Criança Feliz debate novas metodologias para o desenvolvimento infantil

PRIMEIRA INFÂNCIA

O objetivo é dar continuidade à capacitação dos visitadores, supervisores e multiplicadores do programa
publicado  em 11/01/2018 18h54
Foto: Mauro Viana/MDS

Brasília – O Comitê Gestor do Programa Criança Feliz se reuniu com representantes de programas municipais de primeira infância e entidades particulares do setor nesta quinta-feira (11), em Brasília (DF). O objetivo do encontro foi desenvolver novos materiais de capacitação para os multiplicadores, supervisores e visitadores do Criança Feliz, dando continuidade às atividades de formação dentro do programa. Agora, experiências aplicadas na área em todo o Brasil serão avaliadas para que possam ser integradas ao treinamento voltado para as visitações.

 Durante a reunião, o ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, destacou que o programa está ajudando a criar uma cultura de cuidado com a primeira infância no país.

“Vamos entrar em um momento agora de grande divulgação do Criança Feliz. Temos que fazer com que todas as famílias saibam a importância dessa fase na vida dos seus filhos ”, afirmou o ministro.

 A gestora do Programa Infância Melhor (Pim), do Rio Grande do Sul, Kênia Fontoura, ressaltou que as capacitações dos visitadores devem ter foco no lúdico. “A criança aprende brincando e temos que levar essa conscientização para a família. Precisamos trabalhar toda a equipe na linha da ludicidade”, defendeu ela.

Saiba Mais

Coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), o programa Criança Feliz busca promover o desenvolvimento infantil de maneira integral. A política é voltada para as crianças de 0 a 3 anos beneficiárias do Bolsa Família e de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Em todo o país, 2.555 municípios aderiram ao programa. A visitação domiciliar já ocorre em 1.779 cidades com 195 mil pessoas atendidas.

 Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

 Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa