Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2018 > Fevereiro > Central de Relacionamento do MDS esclarece dúvidas de usuários e gestores

Notícias

Central de Relacionamento do MDS esclarece dúvidas de usuários e gestores

CHAT MDS

Equipe realiza cerca de 10 mil atendimentos por dia para orientar sobre programas como o Bolsa Família e demais políticas, ações e projetos do ministério
publicado  em 23/02/2018 17h06

Brasília - O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) possui uma série de canais diretos para atender a população. Desde o início do ano, a Central de Relacionamento responde em média 10 mil dúvidas por dia - sendo 98% via telefone - sobre o Cadastro Único, programas como o Bolsa Família e demais políticas, ações e projetos do ministério. Além das demandas de usuários e beneficiários, a central também atende gestores e trabalhadores da área social em busca de esclarecimentos e orientações.

 O coordenador-geral da Central de Relacionamento, José Augusto Athayde, explica que, antes de entrar em contato com a área, o usuário precisa ter em mãos seu Número de Identificação Social (NIS) e Cadastro de Pessoa Física (CPF). “A partir daí, fazemos a consulta ao Cadastro Único e informamos ao usuário o que ele quer saber”, disse.

Ainda segundo Athayde, as perguntas mais comuns envolvem o programa Bolsa Família e atualização cadastral. Mas ele adianta que quem está com o cadastro desatualizado deve procurar o setor responsável no município ou o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo. “Caso a atualização mais recente tenha sido feita nos últimos 24 meses, não é preciso realizá-la novamente. Mas se os dados estiverem há mais tempo desatualizados, é necessário fazê-lo. Lembrando que qualquer mudança no status da família, como alteração de endereço, nascimento de mais um filho, gestação, e outras informações devem ser informadas de imediato”, ressaltou.

Outra demanda comum da Central de Relacionamento envolve a liberação mensal do benefício do Bolsa Família. A partir da data de pagamento, o recurso fica disponível para saque por um período de 3 meses. Para saber a data de pagamento, basta acessar a página oficial do Bolsa Família no Facebook. “O chamado Benefício Liberado é quando o cidadão já pode, a partir da data de saque considerada no calendário, retirar seu benefício. Informando o último dígito do cartão do NIS é possível identificar qual é a data de saque. A partir daí, o usuário já pode se dirigir a uma das unidades da Caixa ou lotéricas”, explicou.

O telefone para contato do MDS é o 0800 707 2003. A ligação é gratuita e pode ser realizada pelo telefone fixo das 07h às 19h, de segunda a sexta-feira. Durante os finais de semana, a central está disponível das 10h às 16h.

Já o canal de atendimento eletrônico exclusivo para gestores municipais e entidades da assistência social funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.

Para outras informações, basta acessar o site http://mds.gov.br/servicos/contato
Para saber como falar com o MDS via chat, clique aqui.

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:

Ascom/MDS

(61) 2030-1505

www.mds.gov.br/area-de-imprensa