Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2018 > Agosto > Ministro visita abrigos que receberão venezuelanos no Rio Grande do Sul

Notícias

Ministro visita abrigos que receberão venezuelanos no Rio Grande do Sul

ASSISTÊNCIA SOCIAL

As cidades gaúchas de Esteio e Canoas vão abrigar 646 imigrantes do país vizinho
publicado  em 24/08/2018 17h34
Clarice Castro/ MDS

Brasília - O ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, visitou, nesta sexta-feira (24), os abrigos que receberão imigrantes venezuelanos nos municípios de Esteio e Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre (RS). A ação humanitária ajudará 646 pessoas vindas do país vizinho, que chegarão ao Rio Grande do Sul (RS) entre os dias 6 e 18 de setembro, transportadas em voos da Força Aérea Brasileira (FAB). 

O trabalho contará com aporte financeiro do governo federal. “Vamos auxiliar as prefeituras de Esteio com R$ 530 mil e Canoas com R$ 1,020 milhão. Os valores equivalem a R$ 400 reais por pessoa ao mês, por um período estimado em seis meses. O montante será empregado em serviços públicos, como saúde, assistência social e todos que impactam no dia a dia dessas pessoas”, explicou Beltrame.

A Organização das Nações Unidas (ONU), por meio do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), também contribuirá, cobrindo os custos de aluguel dos  venezuelanos e acompanhando o processo de interiorização. “Esperamos agir em conjunto com a sociedade civil para desenvolver o trabalho de interiorização”, destaca a representante-chefe do Acnur, Isabel Marques Daniel. 

As visitas também foram acompanhadas pelo ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. Até o momento, o processo de interiorização de venezuelanos já chegou a 820 pessoas, abrigadas nos seguintes estados: Amazonas, Paraíba, Pernambuco, Mato Grosso, Rio de Janeiro e São Paulo, além do Distrito Federal.

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa