Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2018 > Abril > Ministro apresenta resultados das ações do pente-fino do INSS

Notícias

Ministro apresenta resultados das ações do pente-fino do INSS

BENEFÍCIOS SOCIAIS

“Até o final de 2018, a previsão é de que a economia aos cofres públicos chegue a R$ 15,7 bilhões”, afirmou Beltrame durante reunião no Ministério do Planejamento
publicado  em 13/04/2018 12h03
Foto: Mauro Vieira/MDS

Brasília – O ministro do Desenvolvimento Social (MDS), Alberto Beltrame, participou da reunião do Comitê de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas Federais (CMAP), nesta quinta-feira (12). Na ocasião, o ministro apresentou os resultados obtidos na 1º etapa do Programa de Revisão de Benefícios por Incapacidade (PRPI) do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e os números da 2º etapa do processo, que teve início no dia 1º de março.  

Beltrame destacou que a revisão dos benefícios de auxílio-doença e aposentadoria por invalidez, que há mais de 2 anos não passavam por perícia médica, resultaram em uma economia de R$ 7,6 bilhões. “A focalização do programa em tirar pessoas que estão recebendo indevidamente o benefício, permite que tenhamos uma economia para a poupança dos trabalhadores. Os resultados são animadores e, até o final de 2018, a previsão é de que a economia aos cofres públicos chegue a R$ 15,7 bilhões”, afirmou.

Além do pente-fino, outra ação que contribuiu para dar agilidade à realização das perícias foi a adesão de 96% dos peritos do INSS ao Programa de Gestão das Atividades Médico Periciais (PGAMP). O novo modelo flexibiliza o cumprimento da jornada de trabalho e possibilita o acúmulo de pontos pelos peritos com as tarefas realizadas durante o dia.  A secretária-executiva do MDS, Tatiana Alvarenga, e o secretário de Inclusão Social e Produtiva, Vinícius Botelho, também estiverem presentes no encontro. 

A reunião do Comitê de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas Federais (CMAP) é coordenada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e tem por objetivo aperfeiçoar ações, programas e políticas públicas do governo federal, bem como aprimorar a gestão e a qualidade do gasto público. O comitê também é composto por representantes do Ministério da Fazenda (MF), da Casa Civil e Controladoria-Geral da União (CGU), e conta com a participação de membros de instituições convidadas, públicas ou privadas.

Informações sobre os programas do MDS:

0800 707 2003

 Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa