Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2017 > Março > Ministro entrega certificado de filantropia à Emater/RS

Notícias

Ministro entrega certificado de filantropia à Emater/RS

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Durante solenidade em Porto Alegre, Osmar Terra destacou importância da entidade para a agricultura familiar
publicado  em 30/03/2017 16h11
Foto: Rafael Zart/MDSA

Porto Alegre – O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) entregou nesta quinta-feira (30) a renovação do Certificado de Entidades Beneficentes de Assistência Social à Emater/Ascar do Rio Grande do Sul. O documento reconhece a filantropia da entidade e a isenta do pagamento de contribuições sociais.

O ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, fez a entrega do certificado durante cerimônia no Palácio Piratini, sede do governo gaúcho. Participaram da solenidade o governador José Ivo Sartori, e o secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDSA, Caio Rocha, além de secretários estaduais, parlamentares, técnicos da Emater e agricultores familiares.

Terra destacou que o trabalho da Emater é fundamental para a agricultura familiar e garante desenvolvimento, renda e segurança alimentar para milhares de pessoas que vivem do trabalho no campo. “O certificado de filantropia permite que o serviço da Emater seja ampliado. A entidade tem um papel determinante nas políticas de atendimento ao pequeno agricultor e ao assentado”.

 Na ocasião, o ministro falou sobre os programas coordenados pela pasta, como o Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais, que garante recursos financeiros e assistência técnica e extensão rural para as famílias do campo. “Este é um programa para aqueles agricultores que não têm renda nenhuma e que correm o risco de largar tudo e ir embora. Esses pequenos produtores ganham R$ 2,4 mil como incentivo para melhorar sua produção e têm o apoio de entidades, como a Emater, que os acompanham e mostram todo o potencial que eles têm na sua terra”.

 Na avaliação do secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDSA, Caio Rocha, o certificado é um reconhecimento ao trabalho e a função social da Emater. “Este documento reconhece a Emater como braço da proteção social do governo do Rio Grande do Sul. O certificado representa o atendimento de 40 mil famílias por ano com assistência técnica a mais do que a Emater pode fazer. Cada real investido na entidade retorna em produção e em rendimento para os agricultores, o que garante o bem-estar das famílias rurais”. 

 O presidente da Emater, Clair Kuhn, comemorou a concessão do certificado de filantropia. “Ninguém chega ao campo como nós chegamos. O certificado mostra que a Emater está de pé, cumprindo com a sua função vital que é levar a área social para o campo. Estamos trabalhando ativamente para que o nosso agricultor fique na área rural com renda e perspectivas de, junto com seu filho, fazer uma associação rural, por exemplo”.

 O certificado de filantropia foi publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial da União e é válido por três anos. O MDSA também certificou outras 20 entidades.

 Mudanças – O agricultor Antônio Carlotto produz morango e verduras no interior do Rio Grande do Sul. Ele conta que a assistência técnica recebida da Emater mudou a vida da família. “A Emater me ensinou tudo: onde buscar recursos, como aplicar isso e como conseguir desenvolver a planta porque a gente enfrenta os problemas de inseto e temperatura. Não consegui fazer isso sozinho uma vida inteira. Agora, nesse espaço curto de tempo, adquiri uma profissão, tenho sustento diário e minha família está tranquila, sem problemas. A Emater é tudo pra nós”.

Em 2016, a Emater atendeu mais de 220 mil agricultores familiares em 493 municípios gaúchos. A entidade presta serviço de assistência técnica e extensão rural gratuitamente.

Informações sobre os programas do MDSA:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDSA
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa