Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2017 > Maio > Espírito Santo adere ao Criança Feliz

Notícias

Espírito Santo adere ao Criança Feliz

PRIMEIRA INFÂNCIA

Secretário Halim Girade esteve em Vitória para lançar o programa. Ação vai beneficiar cerca 1,6 mil famílias
publicado  em 15/05/2017 14h11
Foto: Divulgação/MDSA

Vitória – Quase 1,6 mil famílias serão beneficiadas com o programa Criança Feliz no Espírito Santo. Na última sexta-feira (12), em Vitória (ES), o Estado assinou o termo de adesão ao programa de desenvolvimento infantil do governo federal, coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA). O Criança Feliz será parceiro do programa estadual Criança Feliz Capixaba.

Na ocasião, o secretário nacional de Promoção do Desenvolvimento Humano do MDSA, Halim Girade, destacou a importância do estímulo à criança ainda na gestação. Segundo ele, a criança bem estimulada se desenvolve melhor socialmente, tem melhores notas e consegue romper com o ciclo intergeracional da pobreza.

“O que acontece na primeira infância tem repercussões para o resto da vida; é uma constatação científica. O que eu espero é que aqui no Espírito Santo, esses 18 municípios, façam realmente um programa de qualidade. Vamos fortalecer o período onde a criança é mais vulnerável, que é de zero a três anos”, afirmou Halim.

O Espírito Santo já conta com a adesão de 18 municípios. O vice-governador, César Colnago, ressaltou a intersetorialidade do Criança Feliz, que terá ações da assistência social, saúde, educação, cultura e justiça.  

“Temos que reunir esses campos para que tenhamos uma visão única e integral da criança. Com a articulação dessas políticas públicas, teremos um visitador diferenciado”, explicou.

Seminário – Na tarde da sexta-feira, Halim Girade, participou também da abertura do Seminário Estadual Primeira Infância e Políticas Públicas. O encontro reuniu secretários municipais das áreas da assistência social, saúde, educação e direitos humanos.

Halim aproveitou para tirar dúvidas dos gestores sobre o Criança Feliz. Técnica de assistência social do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) em Guacuí (ES), Ivâni Mendonça, questionou sobre o início das capacitações.  “O secretário disse que no início de junho vamos ter a capacitação para que nossa equipe comece a trabalhar com as visitas às famílias.”

Essa é a primeira etapa dos seminários que compõem a implementação do programa no Estado. Em junho, os gestores se encontram novamente para dar continuidade aos trabalhos.

 Informações sobre os programas do MDSA:
0800 707 2003

 Informações para a imprensa:
Ascom/MDSA
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa