Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2017 > Junho > Carminha Brant apresenta metas de trabalho da assistência social para 2017/2018

Notícias

Carminha Brant apresenta metas de trabalho da assistência social para 2017/2018

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Secretária do MDS falou sobre a importância de ampliar e qualificar os serviços e programas de proteção social básica e especial durante reunião do CNAS
publicado  em 21/06/2017 19h53
Foto: Divulgação

Brasília – A secretária nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), Carminha Brant, apresentou nesta quarta-feira (21) as metas de trabalho para 2017/2018. Durante a reunião ordinária do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS), ela falou sobre a importância de ampliar e qualificar a cobertura dos serviços e programas de proteção social básica e especial.

Na sua fala aos conselheiros, Carminha destacou ainda a necessidade de aperfeiçoar os mecanismos e práticas de gestão do Sistema Único de Assistência Social (Suas). “Precisamos somar as nossas vozes num discurso construtivo, que nos fortaleça para realizar os projetos futuros. É preciso ampliar a cobertura dos nossos serviços, mas para isso é preciso refletir sobre os baixos valores vigentes do cofinanciamento. Por isso, anunciamos o aumento de 45% nos recursos do Paif [Proteção e Atenção Integral à Família] a partir de julho”.

O aprimoramento do Programa CapacitaSuas é outra pauta de destaque da Secretaria Nacional de Assistência Social (SNAS). Para a secretária, a capacitação como um processo de educação permanente é estratégica no processo de fortalecimento da política. “Estamos ainda num processo de estudo, mas a meta é dar mais agilidade ao programa para alcançar um maior número de trabalhadores e diversificar o conteúdo das capacitações, que muitas vezes não atendem as necessidades dos trabalhadores do sistema”.

 Para o presidente do CNAS, Fábio Bruni, foi muito importante a secretária nacional apresentar aos conselheiros as metas de gestão até o fim de 2018. “Está aberto, independe das divergências, o debate sobre a política dentro da própria política. Isso mostra que a política de assistência social não parou e que todo o trabalho desenvolvido é para garantir direitos e o cumprimento do II Plano Decenal”, destacou.

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003 

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa