Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2017 > Julho > Osmar Terra explica importância do Programa Criança Feliz a prefeitos de Minas Gerais

Notícias

Osmar Terra explica importância do Programa Criança Feliz a prefeitos de Minas Gerais

DESENVOLVIMENTO INFANTIL

Ministro do Desenvolvimento Social esteve nesta segunda-feira (31) em Uberaba para falar sobre a iniciativa a 70 prefeitos do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba
publicado  em 31/07/2017 16h59
Foto: Rafael Zart/MDS

Uberaba (MG) – O ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, esteve em Uberaba (MG) nesta segunda-feira (31) para explicar a importância do Programa Criança Feliz ao G-70, grupo formado por 70 prefeitos da região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. Na ocasião, Terra apresentou as ações previstas, como a visitação domiciliar, que deve alcançar cerca de 4 milhões de crianças até 2018. O programa é coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e tem foco no desenvolvimento infantil integral.

“Queremos que o Criança Feliz chegue a um número cada vez maior de municípios, por isso explicamos a importância da iniciativa aos prefeitos. O programa vai ajudar as famílias, principalmente as mais pobres,  a estimular o desenvolvimento das crianças nos primeiros mil dias de vida, que é quando elas desenvolvem a maior parte das suas competências”, ressaltou Terra.

Em Minas Gerais, 261 municípios já aderiram à iniciativa. Em sua fala, o ministro destacou os benefícios do Criança Feliz para o futuro. A intenção, explicou, é fazer com que as crianças cheguem à escola com melhores condições de aprendizado, estudem mais e tenham mais chances de vencer a pobreza. Terra destacou ainda que o Criança Feliz foi planejado de forma a não onerar os municípios. Segundo ele, os recursos para a implementação das ações estão garantidos pelo MDS.

O prefeito de Uberaba, Paulo Piau, disse estar empenhado para que o município faça parte do Criança Feliz o quanto antes. “Vamos trabalhar para convencer todo o segmento da assistência social para que possamos aderir rapidamente ao programa. Nossa região certamente vai fazer parte do Criança Feliz no menor espaço de tempo possível”, garantiu.

O encontro também reuniu gestores da assistência social da região.

Primeira infância – Em todo o país, 2.547 municípios já participam do Criança Feliz. O programa priorizará as crianças de 0 a 3 anos beneficiárias do Bolsa Família e as de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). A iniciativa tem como ponto central a visitação domiciliar. Nos encontros, técnicos capacitados vão orientar os pais sobre a maneira adequada de estimular o desenvolvimento dos filhos, principalmente nos primeiros mil dias de vida.

Leia também: 
Aberto prazo para novas adesões ao Criança Feliz

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa