Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2017 > Dezembro > Caisan propõe mudanças nos rótulos dos alimentos

Notícias

Caisan propõe mudanças nos rótulos dos alimentos

SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL

Alteração para o modelo de advertência facilita a compreensão do consumidor e evita mensagens enganosas
publicado  em 11/12/2017 18h50

Brasília – Facilitar o entendimento dos consumidores sobre as informações nutricionais nas embalagens de alimentos. Esse é o objetivo da proposta da Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan) sobre a rotulagem frontal dos alimentos.  O modelo de advertência, escolhido pela câmara, facilitaria a compreensão do consumidor sobre os ingredientes dos produtos e evitaria as mensagens enganosas. A revisão das normas vigentes ainda está em discussão na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 O documento, enviado para a agência, é resultado de um amplo debate desenvolvido pelo comitê técnico da Caisan. De acordo com a coordenadora-geral de Educação Alimentar e Nutricional do ministério, Mariana Pinheiro, a importância da rotulagem frontal é mostrar para os consumidores com uma linguagem rápida e simples o que eles estão levando para casa. Assim, elas poderão fazer uma escolha consciente de cada produto.

 “Colocar na frente da embalagem um símbolo que mostre que o alimento tem conteúdo excessivo de determinado nutriente, visualmente acessível para a população, é fundamental. Hoje temos uma população com muitos problemas de saúde associados à má-alimentação. Por isso, saber o que você comendo é muito relevante”.

 O modelo proposto de advertência foi inspirado na experiência do Chile e tem também como referência o modelo da Organização Pan-Americana de Saúde. A Caisan defende inserir na embalagem dos alimentos figuras geométricas contrastantes, na cor preta, com mensagens que indiquem que aquele alimento contém muito açúcar, sódio, adoçantes, calorias, gorduras totais, saturada e trans. O documento considera que a rotulagem frontal é necessária para a promoção de hábitos alimentares saudáveis na população. Com isso, a Caisan também reforça a agenda da promoção de medidas de proteção à saúde e da garantia dos direitos do consumidor.

Campanha – A Aliança pela Alimentação Saudável, organização da sociedade civil com objetivo de desenvolver e fortalecer ações que contribuam com o Direito Humano à Alimentação Adequada, lançou a campanha #RotulagemAdequadaJá. A iniciativa defende que consumidores mais bem informados são capazes de fazer melhores escolhas em direção a uma alimentação mais saudável. Acesse o site: http://alimentacaosaudavel.org.br/

 Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

 Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa