Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2017 > Agosto > Governo federal articula criação de roteiro internacional de turismo no Sul do país

Notícias

Governo federal articula criação de roteiro internacional de turismo no Sul do país

DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Assunto foi discutido em São Miguel das Missões (RS) com a presença dos ministros Osmar Terra (Desenvolvimento Social) e Marx Beltrão (Turismo), além de autoridades de outros países
publicado  em 07/08/2017 16h31
Foto: Mauro Vieira/MDS

São Miguel das Missões (RS) – Um roteiro internacional com potencial para impulsionar o turismo e a economia, gerando empregos e desenvolvimento social. Este é o objetivo do Circuito Internacional das Missões Jesuíticas, que reunirá atrações no Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Bolívia. O assunto foi tema de uma reunião nesta segunda-feira (7) em São Miguel das Missões (RS) com a presença dos ministros Osmar Terra (Desenvolvimento Social) e Marx Beltrão (Turismo), além do governador José Ivo Sartori e autoridades da Argentina, Bolívia e Paraguai.

Esta foi a primeira reunião do Conselho Executivo da Rota Internacional Jesuítica da América do Sul. A ideia é estabelecer um roteiro histórico, religioso e cultural inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, na Europa. A rota percorrerá sítios arqueológicos que registram a presença e o trabalho de evangelização dos índios realizado pelos missionários jesuítas entre os séculos 16 e 18.

Para o ministro Osmar Terra, a promoção do turismo é uma das melhores formas de impulsionar a economia e enfrentar a pobreza. “A Região Noroeste do Rio Grande do Sul teve redução de população e aumento da pobreza. O turismo é a maneira mais rápida de se gerar riqueza, emprego e renda para população local, diminuindo a pobreza. A nova rota vai ser o grande impulsionador do desenvolvimento na região”, afirmou.   

Com ações na área do turismo, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) prepara um pacote de medidas para promover a inclusão produtiva dos beneficiários do Bolsa Família. A estratégia prevê ainda oferta de microcrédito, estímulo aos jovens na área de tecnologia da informação e premiação aos prefeitos que conseguirem realizar ações para aumentar a renda dos mais pobres. O conjunto de medidas deve ser lançado nos próximos meses.

Durante o encontro, o ministro do Turismo assinou uma carta de adesão do Brasil a uma linha de financiamento do Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID) que prevê recursos para a estruturação de corredores de integração turística na fronteira. Destinados aos cinco países, os recursos – no valor de 100 milhões de dólares – poderão ser investidos na melhoria da infraestrutura turística. Segundo Beltrão, a criação da rota é uma prioridade para o governo brasileiro. “Nós temos mais de R$ 16 milhões contratados em obras de infraestrutura em diversos municípios da Rota das Missões. Esses investimentos são prioridade”, garantiu.

O governo federal também está trabalhando para estruturar a divulgação do roteiro. Uma das estratégias é incluir o destino em pacotes das maiores agências de viagem do mundo. A redução da burocracia é outra medida. O Ministério do Turismo também está implantando o visto eletrônico e ampliando a concessão deste tipo de autorização, o que facilitará o acesso de turistas ao país. 

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa