Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Novembro > Projeto leva comida de qualidade para entidades socioassistenciais de Minas Gerais

Notícias

Projeto leva comida de qualidade para entidades socioassistenciais de Minas Gerais

Banco de Alimentos

Por meio de doações do presídio Antônio Dutra Ladeira, o Banco de Alimentos de Ribeirão das Neves (MG) doa alimentos para cerca de 40 entidades da cidade
publicado  em 17/11/2016 18h38

Brasília – Em Ribeirão das Neves, município na região metropolitana de Belo Horizonte (MG), aproximadamente 40 entidades socioassistenciais, como asilos e creches, estão com os pratos cheios de peixes e verduras fresquinhas. O projeto Piscicultura e horta, do presídio Antônio Dutra Ladeira, possibilita que as pessoas atendidas pelas entidades recebam alimentos nutritivos e de qualidade. Em troca, os detentos participam do processo de inclusão social e ressocialização. 

A parceria com o Banco de Alimentos começou em 2012. O projeto, pioneiro em Minas Gerais, ensina os detentos a criar, armazenar e preparar os peixes. Ao atingir o tamanho necessário para a despesca, eles são doados para o Banco de Alimentos. “A gente se programa para receber essa doação. Trazemos o peixe, embalamos, congelamos e, posteriormente, doamos às instituições cadastradas aqui”, explicou a nutricionista responsável pelo Banco de Alimentos, Glauciene Aparecida Fidelis. 

Além dos peixes, os detentos cuidam também da horta. As verduras e vegetais plantados por eles também são doados ao Banco de Alimentos. “Sempre que tem vegetais em época de colheita, eles entram em contato”, contou. A nutricionista explicou ainda que existe um rodízio entre as entidades cadastradas para que todas possam receber os alimentos. 

O Banco de Alimentos auxilia na capacitação dos detentos com a realização de cursos de manipulação de alimentos e entrega de material informativo para garantir a segurança alimentar e nutricional dos usuários das entidades beneficiárias. 

A estratégia O Banco de Alimentos de Ribeirão das Neves e os presídios da cidade: Projeto piscicultura e horta é uma das 12 selecionadas para participar da I Mostra de Experiências de Bancos de Alimentos, que será realizada nos dias 23 e 24 de novembro, em Brasília. O evento também terá a apresentação em pôster de outros 50 trabalhos. 

Realizado pelo MDSA em parceria com Embrapa, Mesa Brasil Sesc, ONG Banco de Alimentos, Rede de Bancos de Alimentos do Rio Grande do Sul e Associação Prato Cheio, o evento vai promover a troca de experiências e vivências do trabalho nos Bancos de Alimentos. 

 

Informações para a imprensa:
Ascom/MDSA
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa