Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Novembro > Mostra sobre bancos de alimentos reúne experiências de diferentes regiões do país

Notícias

Mostra sobre bancos de alimentos reúne experiências de diferentes regiões do país

Segurança alimentar e nutricional

Evento em Brasília busca estimular o protagonismo local de gestores e beneficiários
publicado  em 23/11/2016 18h56
Foto: Mauro Vieira/MDSA

Brasília – Representantes de 12 bancos de alimentos de diferentes regiões do país estão reunidos até quinta-feira (24), em Brasília, para trocar informações durante a I Mostra de Experiências de Bancos de Alimentos. Promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), o evento busca valorizar e estimular o protagonismo local dos gestores e beneficiários dos bancos, além de contribuir com a melhoria das ações desenvolvidas.

“Nosso intuito é promover a segurança alimentar e garantir direito humano adequado e saudável para populações mais vulneráveis”, destacou a coordenadora de Equipamentos Públicos de Segurança Alimentar e Nutricional do MDSA, Kathleen Machado.

A programação inclui palestras, debates, mesas-redondas e minicursos. Na ocasião, também será formalizada a criação da Rede Nacional de Bancos de Alimentos, composta por 223 unidades, entre instituições públicas e privadas, administradas pela sociedade civil. 

“Estamos nos unindo para organizar nossa política, somar nossas forças e dividir as responsabilidades, para reduzir o desperdício e dar segurança alimentar a 3,6 milhões de brasileiros que ainda passam fome”, afirmou o secretário Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDSA, Caio Rocha.

Rocha ressaltou ainda o papel de varejistas e da indústria no processo de doação de alimentos para os bancos, além da importância do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) no combate à insegurança alimentar. Segundo ele, a ampliação da modalidade Compra Institucional é uma ferramenta essencial para reduzir o desperdício de alimentos.

Banco de Alimentos – Os bancos atuam no recebimento de doações de produtos considerados fora dos padrões para a comercialização, mas adequados ao consumo. Os alimentos são repassados a instituições da sociedade civil, como creches, escolas, asilos e hospitais. Atualmente, o país conta com 221 bancos que atendem 10,2 mil instituições, beneficiando 4 milhões de pessoas.

Conforme a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), cerca de 30% de toda a produção mundial se perde antes de chegar à mesa do consumidor, o que representa um prejuízo anual de US$ 914 bilhões.

 

Informações para a imprensa:
Ascom/MDSA
(61) 2030-1505

www.mds.gov.br/area-de-imprensa