Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Março > Ouvidoria é referência para aperfeiçoamento de políticas públicas

Notícias

Ouvidoria é referência para aperfeiçoamento de políticas públicas

Políticas públicas

No Dia Nacional do Ouvidor, 16 de março, a responsável pela área no MDS, Mônica Ribeiro, destaca que a importância de dar voz ao cidadão brasileiro
publicado  em 16/03/2016 18h22

Brasília – Ouvir a população é essencial para a construção e aperfeiçoamento das políticas públicas do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Um dos melhores exemplos é o Programa Cisternas. A ideia surgiu dos sertanejos e se transformou em política social. Receber as denúncias, as sugestões e os elogios é papel do ouvidor. E o dia 16 de março, Dia Nacional do Ouvidor, é dedicado a eles.

Ouvidora do MDS desde 2013, Mônica Ribeiro avalia que um dos desafios é mostrar para a população que a área não é apenas um espaço de reclamação, mas também de transformação das políticas públicas. “Em geral, a participação do cidadão ocorre em razão de uma situação individual. Também é nosso papel reunir essas demandas individuais e tentar traduzi-las em algo coletivo, para então propor melhorias das nossas políticas de desenvolvimento social. Fazendo isso, acreditamos que estamos dando voz aos cidadãos.”

Mônica acredita que o ouvidor público tem um papel de articulação e mudança de cultura dentro do órgão. “É importante trabalhar em conjunto com as equipes técnicas para construímos uma cultura de valorização das demandas dos cidadãos”. Segundo ela, a ouvidoria é uma instância de participação social. “O papel é dar voz ao cidadão brasileiro e até mesmo aos servidores aqui do ministério.”

A ouvidoria do MDS existe há 10 anos. Ao longo dos últimos anos, ela foi se tornando uma das referências para outros órgãos da administração federal, por causa das ações voltadas à melhoria do atendimento ao cidadão. Em 2015, mais de 17 mil cidadãos entraram em contato com a área. Mônica conta que os atendentes têm uma atenção especial com a linguagem de cada região do Brasil. “Por vezes, a mesma expressão pode ter significados diferentes em cada região. Por isso, nossos atendentes estão sempre atentos para transmitir da forma mais clara toda a informação que o cidadão busca.”

Prêmio – Criada pela Ouvidoria, a plataforma digital MDS Pra Você leva ao cidadão informações sobre os programas e serviços do MDS. A plataforma disponibiliza a Carta de Serviços ao Cidadão de forma didática e com linguagem objetiva, simplificando as informações que devem ser passadas aos cidadãos. A plataforma foi uma das vencedoras do 3º Concurso de Boas Práticas, organizado pela Controladoria-Geral da União (CGU), na categoria Aprimoramento das Atividades de Ouvidoria.

 Leia também:
Ouvidoria do MDS atende a mais de 17 mil cidadãos

Ouvidoria do MDS completa 10 anos de atendimento ao cidadão

Como surgiu – Oficializado pela presidenta Dilma Rousseff em 2012, o Dia Nacional do Ouvidor homenageia a data em que foi criada a Associação Brasileira de Ouvidores/Ombudsman (ABO). A criação ocorreu durante o I Encontro Nacional de Ouvidorias, em 1995, em João Pessoa (PB).

 Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br 

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021
www.mds.gov.br/saladeimprensa