Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Julho > Medida Provisória garante melhorias na gestão dos benefícios previdenciários

Notícias

Medida Provisória garante melhorias na gestão dos benefícios previdenciários

BENEFÍCIOS

Atualmente, 840 mil auxílios doenças por incapacidade temporária estão sem revisão há mais de dois anos
publicado  em 07/07/2016 20h31
Patrick Grosner/MDSA

Brasília – O governo federal anunciou nesta quinta-feira (7) Medida Provisória que visa corrigir pagamentos indevidos em benefícios da Previdência Social, como auxílio doença e aposentadoria por invalidez.

Atualmente, 840 mil auxílios doenças por incapacidade temporária estão sem revisão há mais de dois anos, o que representa um gasto anual de R$ 13 bilhões. Quanto à aposentadoria por invalidez, três milhões de beneficiários não passam por revisão há mais de dois anos, gerando um custo mensal de R$ 3,6 bilhões.

“É um avanço importante nos cuidados com os recursos públicos na área da Previdência”, destacou o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra.

A MP institui ainda uma gratificação temporária aos médicos peritos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A cada avaliação em benefícios por incapacidade, será pago ao médico perito o valor de R$ 60.

“A medida busca eficiência dos serviços e a melhoria dos benefícios da previdência para que cheguem às mãos corretas. As revisões têm potencial de render uma economia de R$ 6,3 bilhões”, afirmou o secretário executivo do ministério, Alberto Beltrame.

Informações para a imprensa:
Ascom / Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário
(61) 2030-1021
http://www.mds.gov.br/area-de-imprensa