Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Janeiro > Orçamento de 2016 garante reajuste para Bolsa Família

Notícias

Orçamento de 2016 garante reajuste para Bolsa Família

TRANSFERÊNCIA DE RENDA

Entre 2015 e 2016, o investimento no programa vai aumentar cerca de R$ 1 bilhão, após sanção da presidenta Dilma Rousseff
publicado  em 04/01/2016 14h39
Foto: Ana Nascimento/MDS

Brasília - O Orçamento da União de 2016 garante uma margem de R$ 1 bilhão para o aumento do benefício do Bolsa Família. A ampliação do gasto do programa de transferência foi prevista na proposta de Orçamento que o governo mandou ao Congresso em agosto do ano passado. Aprovada pelos deputados e senadores, a dotação de R$ 28,1 bilhões para o Bolsa Família já foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff.

O benefício do Bolsa Família tem crescido acima da inflação. Entre janeiro de 2011 e outubro de 2015, o benefício médio aumentou 73,69%, bem acima dos 37,86% da inflação medida pelo IPCA. Os benefícios pagos às famílias consideradas extremamente pobres aumentou mais de 80% nesse período.

O aumento do benefício médio decorre de mudanças no formato do programa introduzidas pelo Plano Brasil Sem Miséria. As famílias em situação de extrema pobreza passaram a contar com complementação de renda, de forma a superarem essa condição. O valor da linha da extrema pobreza foi corrigido de R$ 70 para R$ 77 em junho de 2014.

Atualmente, as 13,9 milhões de famílias beneficiárias recebem, em média, R$ 165 por mês.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021
www.mds.gov.br/area-de-imprensa