Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Agosto > Em visita a Alagoas, Osmar Terra defende políticas para a primeira infância

Notícias

Em visita a Alagoas, Osmar Terra defende políticas para a primeira infância

Programa Criança Feliz

Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário participou da comemoração dos três anos de programa com este foco promovido pela prefeitura de Arapiraca
publicado  em 24/08/2016 17h41
Fotos: Mauro Vieira/MDSA

Arapiraca (AL) - O ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, defendeu nesta quarta-feira (24) a implantação de políticas públicas com foco na primeira infância a fim de obter melhores resultados sociais no futuro. Foi durante cerimônia em comemoração aos três anos de um programa com este foco desenvolvido pela prefeitura de Arapiraca, no Agreste alagoano.  

“Não há nenhuma política social que tenha maior impacto de retorno para a sociedade do que as políticas de primeira infância. Investimento nessa área é o que mais dá resultado no futuro”, ressaltou Terra. 

O município de Arapiraca será um dos primeiros a fazer parte do Programa Criança Feliz, iniciativa do governo federal que será lançada em setembro e irá fortalecer as ações voltadas à primeira infância em todo país.  

“Vamos avançar nos programas de acompanhamento em casa. Uma criança bem estruturada emocionalmente explora o mundo mais cedo e aprende mais do que aquela criança que é maltratada, negligenciada. Ela terá mais escolaridade, um emprego melhor, uma renda maior e vai ajudar a família a sair da pobreza”, explicou o ministro.  

Arapiraca – O município alagoano é um dos pioneiros na atenção à primeira infância no país. O programa desenvolvido em âmbito local reúne ações das áreas da assistência social, saúde, educação e cultura para estimular o desenvolvimento das crianças desde a gestação até os 6 anos de idade.  

Para a coordenadora do Programa Arapiraca na Garantia da Primeira Infância (Agapi), Gineide Castro, o incentivo federal irá ajudar impulsionar ações regionais. “O governo federal é onde nascem as grandes políticas. É de lá que vem o suporte para poder fazer com que os municípios consigam avançar nessas iniciativas. Como os estudos sobre a primeira infância deixam claro, esses primeiros anos de vida são o alicerce do ser humano”, disse. 

Criança Feliz - O Programa Criança Feliz será voltado para crianças beneficiárias do Bolsa Família. Até 2018, o governo federal pretende atender mais de 4 milhões de crianças. Entre as ações, estão previstas visitas domiciliares semanais até os 3 anos de idade e grupos de convivência. 

Presente no evento, o consultor do Ministério do Desenvolvimento Social Cláudio Duarte ressaltou que o governo federal irá apoiar os estados e municípios a institucionalizar ações voltadas ao desenvolvimento infantil. “Será importante implantar os comitês gestores, os marcos legais e mobilizar a sociedade para colocar a primeira infância na pauta”, afirmou. 

Cerimônia - Além de celebrar os três anos do Programa Agapi, mais de 180 profissionais da prefeitura que vão atuar no atendimento às famílias foram capacitados. 

A assistente social Elivânia Valeriano, 31 anos, está no oitavo mês de gestação e participou da capacitação promovida pela gestão local. Ela disse que vai utilizar as orientações quando o bebê nascer. “É uma forma de cuidar, de prevenir, de incentivar a mãe a ter uma maior atenção para aquela criança que depende da mãe e dos profissionais envolvidos. Com certeza, serão crianças mais felizes e adultos mais fortes”, afirmou.

Informações para a imprensa:
Ascom/MDSA
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa