Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2016 > Abril > Diversidade de sabores e aromas do país será destaque em Olimpíadas

Notícias

Diversidade de sabores e aromas do país será destaque em Olimpíadas

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Campanha Brasil Saudável e Sustentável leva 45 empreendimentos, que representam diferentes biomas e regiões, ao Rio de Janeiro, em agosto
publicado  em 04/04/2016 13h29
Foto: Ana Nascimento/MDS A Campanha desenvolve ações de incentivo ao consumo de produtos saudáveis, entre as quais as atividades promovidas durante a Copa do Mundo de Futebol

A Campanha desenvolve ações de incentivo ao consumo de produtos saudáveis, entre as quais as atividades promovidas durante a Copa do Mundo de Futebol

Brasília – A campanha Brasil Saudável e Sustentável, voltada ao consumo consciente de alimentos, levará para o Rio de Janeiro, durante os Jogos Olímpicos, 45 empreendimentos da agricultura familiar que comercialização seus produtos diretamente ao consumidor. Será mais uma oportunidade de visitantes e moradores conhecerem a diversidade de sabores e aromas brasileiros e um estímulo ao consumo de alimentos saudáveis e sustentáveis.         

Os empreendimentos estarão distribuídos em quatro espaços, chamados de Praças Brasil Saudável e Sustentável, compostas por dois estandes e uma área de convivência para o público desfrutar dos produtos. As estruturas funcionarão entre os dias 5 e 14 de agosto e serão montadas em locais estratégicos da capital fluminense.

“Estamos fechando os últimos detalhes desta ação junto à Prefeitura do Rio. Mas o consumidor já pode ter certeza de que serão locais de fácil acesso, de preferência sempre próximos a estações de metrô ou pontos turísticos da cidade”, explica o secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Arnoldo de Campos.

Há produtos vindos da Amazônia, do Cerrado, da Caatinga, da Mata Atlântica, do Pampa, do Pantanal, ou seja, de todos os biomas e regiões do país. A ideia é mostrar a diversidade de sabores, odores e culturas e, consequentemente, enriquecer o ambiente deste importante evento esportivo.

Veja aqui as organizações da agricultura familiar selecionadas

 “O cidadão que vai estar na cidade do Rio de Janeiro nestes dias, seja o turista, o atleta ou o próprio carioca, vai ter a
oportunidade de conhecer produtos de todos os biomas”, afirma o secretário. “É uma grande oportunidade de mostrar um Brasil que produz alimentos de qualidade, saudáveis, sustentáveis para um grande mercado consumidor, que é o Rio de Janeiro, em uma grande vitrine, que são as Olimpíadas.”

O projeto também é uma possibilidade para o agricultor familiar conquistar novos clientes no Brasil e até fora dele. O presidente da Associação Agropecuária Barra Grande de Caconde (SP), Odécio Fernando de Faria, lembra que a cidade do interior paulista é essencialmente agrícola e vive basicamente da produção familiar. A associação foi um dos empreendimentos selecionados para participar das Praças Brasil Saudável e Sustentável.

Faria afirma que participar de grandes eventos, como os Jogos Olímpicos, abre a oportunidade de os produtos locais serem conhecidos no exterior. Hoje, o grande cliente da associação é o governo, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Ele explicou que o objetivo é aumentar a clientela interna e externa.

“São grandes as expectativas para as Olimpíadas. O pessoal está bastante animado, cada um preparando os seus produtos, para que a gente represente bem a nossa região, com café de qualidade e banana”, diz. Normalmente a cooperativa comercializa o café verde. Mas, nas quatro praças que serão montadas na cidade durante o evento esportivo, levarão o produto torrado e moído, empacotado. Quanto à banana, será comercializada do tipo passa.

Recentemente, os agricultores da associação participaram de eventos em Belo Horizonte e em São Paulo, com o objetivo de apresentar o produto produzido pelos cerca de 160 associados a novos clientes. Agora eles se preparam para uma viagem ao exterior para participar da Expo in Atlanta, promovida pela Speciality Coffee Association of America (SCAA), que será realizada de 14 a 17 de abril. “No ano passado a gente vendeu para o exterior, mas por meio de corretora”, conta. A operação encarece o custo para o produtor, uma vez que há taxa de corretagem. “O objetivo agora é tentar vender diretamente.”

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021
http://www.mds.gov.br/area-de-imprensa