Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Outubro > Conferência estadual mobiliza usuários da assistência social no Ceará

Notícias

Conferência estadual mobiliza usuários da assistência social no Ceará

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Secretária Ieda Castro diz que é necessário fazer com que a política de assistência social seja conhecida por todos os cidadãos
publicado  em 08/10/2015 00h00

Brasília - A mobilização e participação dos usuários nas instâncias de controle social do Sistema Único de Assistência Social (Suas) é um dos temas principais da XI Conferência Estadual de Assistência Social do Ceará. O evento começou nessa quarta-feira e segue até sexta-feira (9), em Fortaleza.

Foi participando dos serviços do Centro de Referência da Assistência Social em Maracanaú (CE) que Simone Rodrigues de Oliveira, 56 anos, resolveu se engajar na política de assistência social. Hoje, ela é presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, representando os usuários. “Entendi que o SUAS é para mim, ou seja, foi criado para mim”, afirmou.

A secretária Nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate  à Fome, Ieda Castro, destacou que é necessário fazer com que a política de assistência social seja conhecida por todos os cidadãos. “Nós temos de lutar contra o preconceito, pois isso ainda é uma barreira para que a assistência social se consolide na lógica do direito”, disse.

Leia também

A cearense Beatriz Chaves, 38 anos, quer ser eleita delegada estadual pelo Ceará para poder levar à X Conferência Nacional de Assistência Social, que ocorre em dezembro, em Brasília, a sua luta pela garantia de direitos da população LGBT. “Sou uma mulher transexual e luto por mais espaço para a população LGBT. Queremos que os serviços da assistência social priorizem também essas pessoas.”

Os cerca de 400 delegados também estão discutindo os compromissos e as responsabilidades do planejamento da política de Assistência Social para a próxima década. Eles têm como desafio combinar estratégias de negociação com a luta por recursos humanos, materiais e financeiros para consolidar o Suas em cada território do estado.

Para a presidente do Conselho Estadual de Assistência Social, Silvana Simões, o destaque desta conferência é planejar o Suas para os próximos 10 anos. “Vai ser um debate de ideias, mostrando essa ampla participação no Suas. Afinal, o sistema é para ser feito com o usuário”, destacou.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
 Ascom/MDS
(61) 2030-1021
www.mds.gov.br/area-de-imprensa