Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Março > Países avaliam segurança alimentar para avançar na erradicação da fome até 2025

Notícias

Países avaliam segurança alimentar para avançar na erradicação da fome até 2025

SEGURANÇA ALIMENTAR

FAO e MDS reforçam parceria na execução do plano da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac)
publicado  em 24/03/2015 18h32

Brasília – As ações para garantir a segurança alimentar e nutricional na América Latina e as medidas que a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) está adotando em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), dentro do projeto “América Latina Sem Fome”, foram discutidas entre os dias 17 e 19 deste mês, em Santigo, no Chile. O encontro reuniu coordenadores do projeto no Paraguai, Bolívia, Peru, Colômbia, Equador, Nicarágua, Honduras, El Salvador e Guatemala, além de representante que atua junto aos países membros do Mercado Comum e Comunidade do Caribe (Caricom).

No encontro, foi discutido como cada país vem se comportando na execução da iniciativa, levando em conta a governança e a participação da sociedade civil, quais políticas de segurança alimentar e nutricional (SAN) estão sendo adotadas e se as decisões dos governos são implementadas localmente. “Tratamos ainda do monitoramento e avaliação dos indicadores de SAN nos países”, destacou a secretária-adjunta da Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDS, Lilian Rahal, que participou do evento.

Também foram abordadas na reunião as diretrizes para 2015 e convergência do “América Latina Sem Fome” com as ações a serem executadas no âmbito do Plano de SAN da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac). Esse plano, elaborado com ajuda da FAO, tem a como meta a erradicação completa da fome até 2025. A iniciativa foi inspirada nas experiências bem-sucedidas dos programas sociais de transferência de renda e combate à fome do governo federal.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br