Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Março > MDS seleciona associação de catadores para coleta seletiva

Notícias

MDS seleciona associação de catadores para coleta seletiva

CHAMADA PÚBLICA

Entidades sem fins lucrativos que tenham na catação a única fonte de renda podem se inscrever até 20 de março para coletar materiais recicláveis produzidos pelo ministério
publicado  em 09/03/2015 11h15

Brasília, 9 – O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) lançou chamada pública para selecionar quatro associações ou cooperativas de catadores de material reciclável que irão fazer a coleta seletiva dos resíduos produzidos pelo ministério, durante seis meses. Os documentos devem ser entregues até 20 de março.

A assessora da Secretaria Executiva do MDS e membro da coordenação da Comissão de Implementação da Coleta Seletiva – MDS Sustentável, Silvia Gonçalves, explica que a parceria com as cooperativas atende a uma política de governo para promover a inclusão social. “Os catadores irão transformar esse material em renda para suas famílias que vivem exclusivamente da catação. Além de promover a inclusão social, o material doado pelo MDS possibilita a geração de renda para essa classe de trabalhadores”.

Para participar do processo seletivo, é preciso que as associações ou cooperativas sejam exclusivamente formadas por trabalhadores que tenham a catação como única fonte de renda. Elas também devem ser entidades sem fins lucrativos, que possuam infraestrutura para realizar a triagem e a classificação dos resíduos descartados, e que apresentem sistema de rateio entre os associados e/ou cooperados.

Os documentos devem ser entregues no Protocolo do MDS, que fica na Esplanada dos Ministérios Bloco A Térreo, aos cuidados de Silvia Regina da Costa Gonçalves (Assessoria da Secretaria Executiva, Esplanada dos Ministérios Bloco C Sala 604).