Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Maio > Acordo com indústrias de alimentos processados reduz em 10% o sódio de 839 produtos

Notícias

Acordo com indústrias de alimentos processados reduz em 10% o sódio de 839 produtos

SEGURANÇA ALIMENTAR

Resultado é importante para o Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional que tem objetivo de ampliar a oferta de alimentos frescos e saudáveis
publicado  em 13/05/2015 08h00

Brasília, 13 – A segunda fase do Plano Nacional de Redução de Sódio em Alimentos Processados reduziu em 10% o teor de sódio presente em 839 produtos como biscoitos e salgadinhos. O resultado, divulgado nessa terça-feira (12) pelo Ministério da Saúde, é de grande importância para o Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional 2012-2015, que tem entre seus objetivos ampliar a oferta de alimentos saudáveis e incentivar a educação alimentar e nutricional. 

Na segunda fase do Plano Nacional de Redução de Sódio em Alimentos Processados foram analisados bolos, snacks – como batata-palha e salgadinhos de milho – maionese e biscoitos. O compromisso entre o Ministério da Saúde e a Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação (Abia) possibilitou a retirada de 7.652 toneladas de sódios de produtos alimentícios em três anos. Na primeira etapa, em 2011, o acordo conseguiu retirar 1.859 toneladas de sódio do mercado. A meta até 2020 é que as indústrias retirem voluntariamente 28.562 toneladas de sal.

A diminuição do sódio nos alimentos processados, segundo a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, é um passo importante no caminho para o consumo de alimentos mais saudáveis. O acordo com as indústrias de alimentos processados é parte da agenda de Segurança Alimentar do governo federal, coordenada pela Secretaria de Segurança Alimentar e Nutricional do MDS. 

“Queremos incentivar cada vez mais o consumo de alimentos frescos, saudáveis e diversificados”, destacou ela.  Um dos caminhos é o fortalecimento da agricultura familiar, grande responsável pela comida que chega à mesa dos brasileiros. Nos últimos anos, o Brasil desenvolveu experiências de compras governamentais da produção da agricultura familiar, como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), que são reconhecidas internacionalmente pelo sucesso em incentivar a produção, combater a fome e a pobreza na área rural e fomentar uma alimentação saudável. 

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003 
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021